Tamanho do texto

"Ela pensou que iriam matá-la", diz fonte ligada a Kim Kardashian ao site americano "E! News"

Kim Kardashian viveu momentos de muita tensão durante sua estadia na França. A socialite de 35 anos foi vítima de um assalto a mão armada e mantida refém por dois homens em um hotel em Paris, no domingo (2). De acordo com as informações do site americano "E! News", a mulher de Kanye West ficou apavorada e chegou a implorar pela vida para os assaltantes.

+  Kim Kardashian bate recorde de visualizações no Instagram com vídeo de 'twerk'

Kim Kardashian achou que ia morrer e implorou pela vida, diz site
Reprodução/GQ
Kim Kardashian achou que ia morrer e implorou pela vida, diz site


Segundo uma fonte da publicação, Kim Kardashian  ficou "muito abalada" com o acontecimento, mas "sem danos físicos". O site afirma que a socialite  foi amordaçada e, em seguida, algemada pelos criminosos. "Ela implorou para eles [os assaltantes] deixá-la viver e dizia que tinha bebês em casa. Em seguida, eles tamparam sua boca com fita e a colocaram em uma banheira". Sem a presença de Kanye West , a modelo ficou completamente desesperada. "Ela pensou que eles, com certeza, iriam matá-la", disse a fonte.

Kim ainda não se manifestou publicamente sobre o incidente. De acordo com o "NBC News", os criminosos envolvidos no caso escaparam do hotel francês em bicicletas e ainda estão foragidos. 

Kim Kardashian x Taylor Swift: a guerra do pop cheia de memes

Em entrevista à emissora ‘CNN’, o porta-voz de Kim, Ina Treciokas, informou que Kim não está machucada. Ele contou que dois homens vestidos de policiais a ameaçaram no quarto em que estava hospedada. “Kim Kardashian foi feita de refém com uma arma dentro de seu quarto de hotel em Paris, esta noite, por dois homens mascarados, armados, e vestidos como policiais. Ela está muito abalada, mas fisicamente ilesa,” disse.


Assalto

De acordo com as informações do jornal "Daily Mail", os criminosos roubaram de Kim sua caixa de joias, avaliada no valor de US$ 7 milhões, e um anel de US$ 4 milhões. Os assaltantes teriam entrado no hotel por volta das 2h30 da madrugada de segunda-feira (3), após renderem e algemarem o guarda noturno. 

De volta para casa

Kim estava na capital francesa para acompanhar a Semana de Moda de Paris. Sua mãe, Kris Jenner, e a irmã, Kendall Jenner, também prestigiaram o evento. Na manhã desta segunda-feira, a socialite embarcou em um jato particular para retornar aos Estados Unidos. Ela estava acompanhada por seu assistente, Ina Treciokas, e por seu segurança, Pascal Duvier.

This guy is always in my shot!

Uma foto publicada por Kim Kardashian West (@kimkardashian) em


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.