Tamanho do texto

Corneta em Phelps, pito na seleção brasileira e perfil em agência de notícias dos EUA garantem Galvão Bueno como uma das estrelas das Olimpiádas

 Galvão Bueno é principal voz  da TV Globo e tem se consolidado como a grande estrela do jornalismo esportivo durante os jogos olímpicos do Rio de Janeiro. Sua popularidade até mesmo cruzou o atlântico. O  narrador recebeu um perfil bastante detalhado sobre sua carreira feito pela Associated Press (AP), uma agência de notícias internacional, depois de ter sido ironizado por um comentarista da BBC ao vivo.

Galvão Bueno ao lado de Gustavo Borges
Reprodução/ Instagram
Galvão Bueno ao lado de Gustavo Borges

+Gisele Bündchen falou da emoção de participar da abertura das Olimpíadas

"Ele precisa calar a boca!", disse o narrador estrangeiro, durante trasmissão ao vivo, se referindo a Galvão Bueno . "É muito, muito barulho no estádio. E muito barulho vindo aqui de perto de mim. Este comentarista precisa calar a boca no começo da prova. Desculpem. Neste momento, por exemplo: todo mundo está quieto, mas ele não", comentou o jornalista da TV britânica.

 Em resposta ao comentarista da BBC, o jornalista se manifestou em seu perfil no Instagram. “ Pra quem tá com falta de pauta! Equipe da @redeGlobo e @BBC juntas. O careca é o campeão Olímpico em Seoul 1988 nos 100mts peito. Companheiros de trabalho de outras olimpíadas. É que meu som vazou no microfone dele e reclamaram. Eu errei. Tinha que estar calado na largada. Fim do mimimi. #somostosdosolimpicos” Colocando um ponto final na discursão .

 Não é só o colega inglês que anda reclamando por alguma coisa nestas olimpidas. O próprio Galvão Não gostou nada do campeão de natação Michael Phelps ter ignorado a Globo e parte da imprensa nas Olimpíadas , tanto que desabafou em uma entrevista ao "Pânico da Band".

+"O Rio de Janeiro está falido e maltratado", detona Fernanda Abreu

Vale lembrar que o jornalista já havia reclamado da seleção brasileira por não ter dado entrevista após o  empate do Brasil com o Iraque. A reação do narrador gerou grande repercusão nas redes sociais, já que se trata de um dos mais entusiasmados defensores da seleção brasileira. 

“As milhões de pessoas que estão em casa têm direito, sim, de ouvir. O seu ídolo, o seu jogador, aquele que joga com a camisa da seleção brasileira. É feio, muito feio, não é profissional, não é ético e não é correto, sair de campo e se negar a falar. Alguém tinha de assumir e falar”, disparou.

Galvão Bueno
Reprodução/ Instagram
Galvão Bueno

Os internautas não perdoaram e começaram os memes na internet. Falando do fim da lua de mel entre Galvão e Neymar , “ Casos de Família : me trocou por uma medalha”, era descrito numa das postagens.

Quem não lembra  do histórico “Cala Boca Galvão”, no Twitter, que chamou a atenção do mundo durante a Copa do Mundo em 2010 . Na época, a Globo pensou em afastar o locutor depois do fim do torneio para tentar reverter a propaganda negativa gerada pela surpreendentemente rápida veiculação da mensagem entre os usuários do Twitter. Os usuários criticavam a forma que o narrador desenvolvia seus comentários, muitas vezes sendo chamados de prolixos. 


Trajetória

O carioca, fã de inúmeros esportes desde muito cedo, descobriu seu principal talento ao vencer um concurso de rádio, para ser comentarista, em 1974; o que o fez trilhar uma carreira de sucesso como narrador esportivo. Em 2014, completou quarenta anos de profissão. Na TV Globo, Galvão Bueno cobriu sua décima Copa do Mundo. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.