Tamanho do texto

Advogada foi chamada de "macaca" em uma foto no Instagram: "Não posso me calar", disse em comunicado

A ex-BBB Adélia afirmou que irá denunciar as ofensas racistas que recebeu nas redes sociais. Através de um comunicado divulgado à imprensa, a advogada confirmou que irá tomar medidas legais contra as agressões.

Adélia vai denunciar ofensas racistas que recebeu em suas redes sociais
Reprodução
Adélia vai denunciar ofensas racistas que recebeu em suas redes sociais


"Aguentei muita coisa calada, mas as injúrias me fortaleceram para brigar por essa causa", afirmou a paulistana. Em fotos no Instagram, ela chegou a ser chamada de "macaca" e receber insultos relacionados à escravidão, como "volta para a senzala".

"Antes, eu apagava os comentários, tinha vergonha de expor esse conteúdo na internet, mas como mulher, advogada e negra não posso me calar", continuou. "Hoje que estou exposta na mídia, percebo a força que temos para lutar contra esse tipo de intolerância."

Rival de Ana Paula no "BBB 16", Adélia foi alvo da torcida organizada da jornalista e de Munik, a vencedora do reality.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.