Tamanho do texto

Márcia Brito esteve em centro espírita no fim de semana e recebeu suposta mensagem de filho; leia carta na íntegra

um mês atrás foi encontrado o corpo de Rian Brito , após o jovem ficar desaparecido por duas semanas. No último domingo (3), o filho de Nizo Neto com a atriz Márcia Brito teria se comunicado com a família através de carta lida por um médium. O vídeo da leitura da mensagem de Rian para a mãe foi disponibilizado no YouTube.

Márcia Brito e o filho Rian Brito
Reprodução
Márcia Brito e o filho Rian Brito


Na carta, Rian teria pedido para Márcia lutar contra o chá ayahuasca. "Mãe, continua a sua luta, sem medo. Pois a discussão tem feito muitas pessoas pensarem. (...) Mas sempre lembrando que ao pedir para proibir, se aceito esse pedido, muitos vão usar a Ayahuasca, pelo próprio fato de ser proibido", leu o médium  Fernando Ben

O rapaz, através do médium, também pede para que a mãe desconsidere as calúnias sobre ele, afinal só ela sabe "como eu sou e quem eu sou, tudo o que fazia ou pensava". Muito emocionada, no vídeo Márcia reage a cada palavra lida com alegria e lágrimas.

Rian Brito, nas palavras do médium, afirmou que não estava ali para "esclarecer detalhes" e pediu perdão ao pai, caso tenha o feito sofrer em algum momento. O neto de Chico Anysio  finalizou: "Comigo está o meu avô hoje"

Confira abaixo a íntegra da carta psicografada  de Rian Brito e o vídeo da leitura:

"Minha mãe Márcia, de CPF (cortado no áudio), e número telefone (cortado no áudio). Sou eu, seu filho. Vivo, perplexo pela nova realidade, mas feliz por constatar que muito do que já pensava é real. Mãe, continua a sua luta, sem medo, continue. Pois a discussão tem feito muitas pessoas pensarem. Mas também não se iluda, mãe amada, toda a proibição estimula, peço que continue, aprimore e transceda essa proposta de conscientização. Mas sempre lembrando que ao pedir para proibir, se aceito esse pedido, muitos vão usar a Ayahuasca, pelo próprio fato de ser proibido. Sobre as calúnias, desconsidere, você sabe como sou e o que sou, e tudo o que fazia ou pensava. Não ligue para os caluniadores, ligue para o que eu sinto por você. Dê um abraço no pai, na Tatiana, na Sofia, na Isabela. Fale para Ramona que o Roberto está bem. 
A todos que oram por mim, eu agradeço sinceramente, mas eu estou muito bem. Hoje eu não vim esclarecer detalhes, mas vim abraçar a minha mãe, que tanto me ensinou e me ajudou em tantas horas. Pai, sinta meu abraço de gratidão, e perdoem-e se o fiz sofrer em algum momento. Deixo a minha gratidão e a certeza que todos entenderão no tempo certo que não precisamos de elementos externos para sentir o nosso eu maior, mas sim meditando, orando e transformando as nossas escolhas.  Obrigado e até logo. Rian Brito. Obs: comigo está o meu avô hoje".


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.