Tamanho do texto

Jéssica Costa falou sobre sua doença congênita e as dificuldades que teve durante o parto de Noah

No começo desta semana, o cantor Leonardo finalmente conheceu seu neto Noah , que teve que ficar na UTI do hospital durante algum tempo por conta de complicações após o nascimento. Em entrevista ao “Programa do Gugu” desta quarta-feira (23), a filha de Leonardo e mãe do bebê, Jéssica Costa , falou sobre as dificuldades que teve no parto: “Nos dois primeiros dias eu me senti culpada. Foi tudo um aprendizado. Eu caí, mas Deus me ajudou a levantar! Depois foi vitória atrás de vitória”.

Em entrevista ao
Divulgação/Rede Record
Em entrevista ao "Programa do Gugu", Jéssica falou sobre seu filho Noah

A culpa de Jéssica se deu por conta de uma doença congênita que ela possui. Ela tem Tetralogia de Fallot, que faz com que o sangue consiga ser oxigenado por todos os órgãs do corpo. “Quando você está grávida, o sangue tem mais fluxo. E quanto mais o tempo vai passando, mais fluxo você vai tendo. Então, uma semana antes eu fiquei muito cansada. A gente foi até pro hospital! Eu não sentia ele mexer, estava com uma dor na barriga, estava cansada”, relatou Jéssica.

Por causa dessa condição, ela teve que realizar o parto com 37 semanas. Ao nascer, Noah engoliu o líquido amniótico que fica na placenta da mãe, fazendo com que ele tivesse dificuldade para respirar e precisasse ser levado para a UTI.

Agora, Noah, da união de Jéssica com o ator Sandro Pedroso , está recuperado e sua mãe admite ser coruja: “Ele chora quando quer mamar, trocar... fora isso ele fica quietinho olhando as coisas. Hoje a gente tem até um grupo [no celular] que chama 'amamentação'. É pra gente não dormir na madrugada. A gente fica conversando “.