Tamanho do texto

Apresentadora Sandra Annemberg leu nota da emissora, afirmando seu "dever de informar sobre tudo, sem restrições"

Após a transmissão ao vivo da posse dos novos ministros no Palácio do Planalto, na quinta-feira (17), que nomeou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva  como ministro da Casa Civil , a TV Globo se pronunciou oficialmente sobre os ataques que vem sofrendo de manifestantes, pró e contra o governo Dilma.

Sandra Annenberg leu nota oficial da emissora
Reprodução/TV Globo
Sandra Annenberg leu nota oficial da emissora


Por diversos momentos durante a cerimônia em Brasília, manifestantes interromperam a fala da presidente Dilma Rousseff  aos gritos: “O povo não é bobo, abaixo a Rede Globo”. Ao fim da transmissão, a jornalista Sandra Annenberg leu uma nota oficial da emissora, esclarencendo que a Globo entendia "o estado de espírito dos militantes e políticos presentes na posse", mas que a "imprensa não produz grampos, nem conduz investigações da Justiça e da polícia".

Confira abaixo a comunicado na íntegra:

"A Rede Globo entende o estado de espírito dos militantes e políticos presentes na posse, que gritaram palavras de ordem contra a TV Globo, principalmente depois da revelação oficial dos grampos autorizados pela Justiça. Mas repetimos uma vez mais: a imprensa não produz grampos, não conduz investigações da Justiça e da Polícia. A imprensa cumpre seu dever de informar sobre tudo, sem restrições, como assegura a Constitução e continuará assim".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.