Tamanho do texto

Cantor britânico afirmou que nenhum homem gay assumido ganhou o Oscar e dedicou prêmio à comunidade LGBT

Vencedor do Oscar de Melhor Canção Original , o cantor Sam Smith  agradeceu o prêmio com um discurso emocionado e dedicado à comunidade LGBT na cerimônia deste domingo (28). Mas o momento especial quase foi ofuscado por uma gafe de Smith, que foi alfinetada no Twitter pelo roteirista  Dustin Lance Black.

Cantor Sam Smith comete gafe no Oscar
Reprodução / Instagram
Cantor Sam Smith comete gafe no Oscar


Duarante o agradecimento, o cantor britânico disse: "Eu li um artigo há alguns meses de Ian McKellen e ele disse que nenhum homem gay assumido ganhou um Oscar. Se esse é o caso, e mesmo que não seja, quero dedicar o prêmio à comunidade LGBT ao redor do mundo". Entretanto, Smith não foi o primeiro homem gay a levar a estatueta para casa.

O cantor Elton John foi premiado pela trilha de "O Rei Leão" e o roteirista Dustin Lance Black, por "Milk: A voz da igualdade". Inclusive, foi o próprio Black a cutucar Sam Smith nas redes sociais.

"Hey Sam Smith, se você não tem ideia de quem sou eu, então talvez seja a hora de você parar de mandar mensagem para o meu noivo", escreveu Black no Twitter, acompanhado do vídeo em que o roteirista recebe o Oscar.

O noivo do roteirista é o mergulhador olímpico  Tom Daley .


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.