Tamanho do texto

Na tarde de terça-feira (12), o sepultamento da modelo foi interrompido por delegada que alegou incoerência entre o atestado de óbito e as declarações médicas

Após passar por uma autópsia, o corpo de Raquel Santos , finalista do concurso Musa do Brasil e morta na noite de segunda-feira (11), foi liberado pela Polícia Civíl na tarde desta quarta-feira (13) para o enterro. O sepulatmento acontece até o final do dia no Cemitério Parque da Paz, em São Gonçalo, no Rio de Janeiro. De acordo com Eduardo Graboski , representante do Musa do Brasil, o horário do sepultamento ainda não foi definido.

Raquel Santos, finalista do concurso Musa do Brasil, morreu na última segunda feira (11) após lipoaspiração
Divulação
Raquel Santos, finalista do concurso Musa do Brasil, morreu na última segunda feira (11) após lipoaspiração


Na terça-feira (12), o enterro de Raquel foi interrompido pela delegada que cuida do caso. O motivo seria incoerência no atestado de óbito, que não bate com as declarações dadas pelo médico Wagner Moraes , marido de Ângela Bismarchi , que atendeu a modelo horas antes da morte.

Raquel Santos faleceu aos 28 anos após fazer um procedimento estético de preenchimento do bigode chinês (linhas de expressão que vão do nariz ao canto da boca) com Moraes. Ao iG , ele negou qualquer relação do procedimento com a morte da modelo. Segundo Wagner Moraes, Raquel aplicava "bomba animal na coxa, fumava muito e precisava de remédio para ajudar na respiração".


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.