Tamanho do texto

A ex-empresária da cantora Anitta, Kamilla Fialho, publicou texto em rede social comemorando o bloqueio

Anitta
Reprodução
Anitta

Anitta teve R$ 3 milhões de sua conta bloqueados pela justiça do Rio de Janeiro por não cumprimento de ordem judicial. Em 2014, ela havia entrado com um processo contra a empresa K2L por suposto desvio de R$ 2,5 milhões de sua conta. O caso sofreu reviravolta e a cantora foi condenada a pagar R$ 5,4 milhões para a empresa por quebra de contrato, mas não teria efetuado o pagamento. 

Em sua conta do Facebook, a ex-empresária da cantora e dona da K2L, Kamilla Fialho, comemorou a notícia. "Confio muito na justiça, aliás, confiei desde o início. Nunca desisti de reaver tudo que tentaram me tirar, e não é só dinheiro.... Não tente destruir quem te construiu.", desabafou. 

Confio muito na justiça, aliás, confiei desde o início. O universo conspira, o bem vence o mal, tarda mais não falha.......

Posted by Kamilla Fialho on  Segunda, 13 de julho de 2015


De acordo com a assessoria de Anitta, a cantora não deve nada, está com a conta desbloqueada e o processo ainda está em andamento. 

O bloqueio de contas ou apreensão de bens faz parte do processo legal para garantir que a sentença final seja cumprida.

Veja na galeria outros famosos que tiveram que pagar multas milionárias. 




    Leia tudo sobre: Anitta