Tamanho do texto

João Reis deu entrevista ao 'Hora do Faro' nesse domingo e se emocionou ao falar do filho

Rio - O pai de Cristiano Araújo , João Reis, disse em entrevista exibida pela Record na noite deste domingo (5) que viu o filho machucado em um pesadelo alguns dias antes do acidente de carro, que vitimou o cantor e a namorada no último dia 24, no interior de Goiás. Bastante emocionado, seu João se culpou ainda por não ter ido ao último show do filho, em Itumbiara (GO).

"Nos últimos dias estava tendo pesadelo. Tava (sic). É até ruim a gente falar [sobre] isso. Eu estava sonhando que ele tinha parado de cantar, tava usando drogas. Cheguei a vê-lo caído no chão, machucado. [isso] Não tive coragem de falar para ele", disse o pai em conversa com o apresentador Rodrigo Faro .

Pai de Cristiano chorou muito durante sepultamento do filho
Reprodução/TV Globo
Pai de Cristiano chorou muito durante sepultamento do filho


Seu João foi ao show com Cristiano Araújo em Salvador (BA), no dia anterior ao acidente, mas optou por voltar a Goiânia e não seguir com a equipe e o filho para Itumbiara. "Se eu estivesse lá, eu teria tomado atitudes um pouco diferentes. Uma coisa é o amigo, o empresário. Outra coisa é o pai. Me culpo muito [de não ter ido a Itumbiara]. Queria estar com ele em todos os momentos e, no momento em que ele mais precisou, eu não estava lá", contou o pai.

Leia mais sobre as celebridades em O Dia .

Victor Leonardo, empresário e amigo de Cristiano Araújo, e que sobreviveu ao acidente, contou detalhes sobre os minutos que antecederam o capotamento. "Estava mexendo em meu celular, Cristiano descansando, eu conversando com a Alana. Passaram 15 minutos, e Ronaldão [o motorista] disse que o pneu havia estourado. Me assustei, levantei, olhei e falei 'estourou mesmo'. No momento em que disse 'estourou', [Ronaldo] já perdeu o controle do carro", detalhou. "Só lembro da primeira rodada", completou.

"Saí do carro, sentei no chão cheio de sangue, me pegaram, me levaram para o resgate, fiquei deitado, me imobilizaram. Estava muito escuro, só escutava o Cristiano gemendo de dor", afirmou Victor, emocionado.

Já no palco do programa, o apresentador Rodrigo Faro disse que "jamais gostaria de ter feito uma entrevista como essa", e chorou. "A gente não ia fazer, mas não podíamos deixar de atender a um pedido do seu João", justificou Faro, com lágrimas nos olhos.