Tamanho do texto

A revista 'Playboy' foi condenada a indenizar as atrizes Camila Pitanga e Nathalia Dill em R$ 330 mil

A revista "Playboy" foi condenada a pagar indenizações de R$ 330 mil e R$ 70 mil reais a  Camila Pitanga e Nathalia Dill , respectivamente. Os valores foram determinados pela 1ª Vara Cível do Rio de Janeiro.

Ricardo Brajterman, advogado das atrizes da Globo, explicou que a revista reproduziu indevidamente fotos de cenas das atrizes nuas retiradas dos filmes "Eu receberia as piores notícias de seus lindos lábios" e "Paraísos Artificiais". As imagens foram usadas em uma chamada de capa na edição de dezembro de 2012.

Camila Pitanga é indenizada em R$ 330 mil
Divulgação/Produção
Camila Pitanga é indenizada em R$ 330 mil


"Mais uma vitória contra a 'Playboy'. Estou satisfeito, mas R$ 330 mil é pouco. A revista masculina da editora Abril, a mesma que publica a 'Veja' e tantas outras, tem 70% das suas páginas vendidas para anunciantes (Honda, Ford, Telefonia, Joias, Luxo...) e passa por forte crise porque a pornografia exibida gratuitamente na internet virou sua maior concorrente. Mas nada justifica explorar comercialmente e sem autorização, para tentar aumentar as vendas, uma imagem da nudez da minha cliente - cuja ótima reputação e conduta discreta todo mundo conhece - exibida num filme em milésimos de segundos, praticamente imperceptível aos olhos, e num contexto completamente diferente do da 'Playboy'", reclama o advogado, sobre o caso.

Relembre na galeria abaixo algumas famosas que já estamparam a publicação.