Tamanho do texto

Ator fala sobre o vilão Hélio, personagem de “Flor do Caribe”, que entra em sua reta final


Raphael Viana está se despedindo do Hélio, seu personagem em “Flor do Caribe”. A novela entra em sua reta final para dar lugar à “Joia Rara”. O ator, que participou do “Mesão da Esperança”, em prol do “Criança Esperança”, neste sábado (31), falou sobre a repercussão que o vilão teve nas ruas durante toda trama e, até, entre sua família. “A questão familiar mexe muito com o público. Desde o início ele já tinha uma questão com o pai e depois ele se volta até contra a mãe... Eu tomei cascudo de senhoras, as pessoas me olham torto na rua mesmo. Mas isso é ótimo, é sinal que estão comprando o personagem. A minha mãe sofre, a minha avó sofre, chora... Ela embarca total na dele”, se diverte Raphael, que se diz muito feliz com esse trabalho. “O Hélio foi o meu primeiro vilão, um personagem com uma linha tênue e com tantas camadas, foi uma missão ótima que o Negrão me entregou. É um divisor de águas na minha carreira na TV, sem dúvida”.

Raphael Viana no Mesão da Esperança
AgNews
Raphael Viana no Mesão da Esperança

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba notícias dos famosos

Na reta final da trama, ele diz não saber o que esperar para o futuro de seu personagem. “Popularmente, na rua, eu sinto que as pessoas querem que o Hélio se ferre. Já em uma pesquisa na internet, ganhou o grupo que acredita na redenção dele. Eu, Raphael, também gostaria que isso acontecesse. Ao mesmo tempo, se não houver a redenção, vai ser importante para mostrar essa questão indefinida dele, antes da virada”, explicou.

Se Raphael não sabe o fim de seu personagem, ao menos ele faz ideia de quais serão seus próximos passos profissionais. O ator subirá ao palco, em São Paulo, com a peça “Alterada”, a partir de outubro. Fora isso, vai dirigir um documentário sobra uma moradora de Barra Mansa (RJ). “É minha cidade natal e que tem uma história de vida incrível. (A moradora) por acaso, é minha avó, mas independente disso, ela tem uma trajetória linda e eu vou contar a história dela”.