Tamanho do texto

Cantor conversou com o iG Gente ainda sobre dinheiro, fama e saudade de comida caseira

Michel Teló:
Milene Cardoso/AgNews
Michel Teló: "Na estrada sinto falta de muitas coisas, mas o que não tem como substituir é uma comidinha caseira"
Michel Teló é sem dúvida o músico brasileiro mais assediado em qualquer lugar do mundo. Mas o intérprete de "Ai Se Eu Te Pego" revelou ao iG Gente que também tem seus ídolos. Ou melhor, uma musa em especial que gostaria de conhecer.  “Seria um grande prazer de chegar perto da Angelina Jolie ”, contou ele em entrevista concedida por email numa brecha de sua concorrida agenda.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as últimas notícias dos famosos

Michel ainda falou sobre família, dinheiro e fama. Mas ignorou uma pergunta sobre outra atriz, Thaís Fersoza , que tem sido sua companhia constante nos bastidores do show. Confira o bate-papo:

iG: Com tantos shows ao redor do Brasil e do mundo, onde é sua casa hoje, seu porto seguro?
Michel Teló:
Meu porto seguro é minha família, minha casa. Mas nada é melhor do que a sensação de pisar neste país maravilhoso que é o Brasil, só de estar aqui já me sinto em casa, junto ao meu povo.

iG: Do que mais sente falta quando está na estrada?
Michel Teló
: Na estrada sinto falta de muitas coisas, mas o que não tem como substituir é uma comidinha caseira.

iG: Quem cuida do seu dinheiro? Você sabe quanto tem no banco hoje, por exemplo?
Michel Teló:
Meu empresário é meu irmão. Não faço a mínima ideia, trabalho tanto que nem sei.

Vi as pessoas falando se eu tinha medo de ser um artista de uma musica só e hoje a música
Milene Cardoso/AgNews
Vi as pessoas falando se eu tinha medo de ser um artista de uma musica só e hoje a música "Humilde Residência" já é a segunda mais tocada no País
iG: Adquiriu algum sonho de consumo da época que não tinha tanto dinheiro?
Michel Teló:
Tanto dinheiro!? Comprei apenas um apartamento em São Paulo, para ficar mais próximo do meu escritório e das pessoas que trabalham comigo.

iG: Qual foi a sua maior extravagância que fez relacionada a bens materiais?
Michel Teló:
Nunca fiz extravagância e não sou um cara de ficar fazendo extravagância só para dizer que tem.

iG: Você acha que essa pode ser apenas uma fama passageira? Tem medo de ser esquecido?
Michel Teló:
Venho construindo uma carreira desde meus 12 anos de idade na qual tocava em bailes, criei minha história musical e quando vi as pessoas falando se eu tinha medo de ser um artista de uma musica só, não tenho medo porque amo minha profissão, e hoje a música "Humilde Residência" já é a segunda música mais tocada do País.

iG: Nos seus shows você está cantando várias músicas em outros idiomas. Isso é só pensando na sua carreira internacional ou é mais uma mudança da música sertaneja?
Michel Teló:
Canto nos meus shows o que o povo gosta de ouvir, que são músicas de grande sucesso no Brasil.

iG: Você já conheceu e foi tietado por inúmeros famosos, como Rodrigo Santoro e Neymar. Tem alguém que você ainda não conheceu e tem vontade?!
Michel Teló:
Tenho, quem me dera se fosse assim. Seria um grande prazer chegar perto da Angelina Jolie.

iG: Em recente entrevista para a Marília Gabriela, o Neymar disse que as mulheres só o procuram por sua fama e dinheiro, e não pelo que ele realmente é. Te incomoda saber que o assédio aumenta só por culpa da fama?
Michel Teló:
Acho que qualquer ser humano ficaria incomodado com isso. Mas a gente sabe muito bem quem são os nossos verdadeiros fãs, isso existe em qualquer tipo de trabalho.

iG: Como é hoje a relação com sua ex-mulher, Ana Carolina?
Michel Teló:
Hoje me preservo demais e não falo sobre minha vida pessoal.

iG: Quem é Michel Teló por Michel Teló?
Michel Teló:
Difícil falar de nós mesmos... Mas vamos lá sou tímido, muito família, e acredito em uma força superior "Deus", sem ele não sou ninguém.
Claudio Augusto
"Nunca fiz extravagância e não sou um cara de ficar fazendo extravagância só para dizer que tem", diz o músico


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.