Tamanho do texto

Porta-voz do estilista Arthur de Soultrait diz que o fotógrafo sabia que os dois estavam apenas brincando

Pippa Middleton
Grosby Group
Pippa Middleton
Pippa Middleton se envolveu em uma polêmica no último domingo (15) após ter sido fotografada dentro de um carro conversível pelas ruas de Paris. O estilista Arthur de Soultrait , que estava comemorando seu aniversário de 30 anos com uma festa à fantasia, estava no carro em que o amigo da irmã caçula de Kate Middleton apontou a arma ao paparazzo.

Siga o iG Gente no Twitter

Sob investigação da polícia francesa e com a ameaça de processo aos quatro amigos, o porta-voz do estilista informou que tudo não passou de uma brincadeira. O representante afirmou ainda que o fotógrafo tinha conhecimento de que a arma era de brinquedo, já que eles estavam indo para a festa à fantasia. Aymeric de Drouas , representante do estilista, falou também que Arthur e Pippa apenas queriam brincar com os paparazzi que os estavam perseguindo.

A festa temática foi para comemorar o aniversário de 30 anos de Arthur. De acordo com o tabloide britânico “The Sun”, a polícia está investigando as imagens após ter recebido a denúncia formal sobre o incidente. A publicação afirma ainda que o carro de Pippa estava estacionado em sua casa em Londres nessa segunda-feira (16) e que a polícia enviou um carro oficial para a propriedade, com a finalidade de esclarecer os fatos.

Veja também : Pippa Middleton ganha documentário na TV

Um funcionário da casa de Pippa Middleton atendeu a porta, mas não disse onde a família estava. Uma fonte judicial do tabloide explicou que a brincadeira pode acabar em prisão. “Qualquer envolvido em uso ilegal de arma em público é passível de prisão”. O motorista que apontou a arma ainda não foi identificado.

Amigo de Pippa Middleton apontou a arma em direção ao paparazzo
Reprodução
Amigo de Pippa Middleton apontou a arma em direção ao paparazzo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas