Apresentador do Jornal Nacional fala sobre as mudanças do programa

Fátima Bernardes e William Bonner: Ele fica do JN, ela sai
AgNews
Fátima Bernardes e William Bonner: Ele fica do JN, ela sai
Após a coletiva de imprensa na qual foram anunciadas as mudanças nos principais telejornalismos da TV Globo, William Bonner conversou com alguns jornalistas sobre os próximos passos. Ele continua à frente do Jornal Nacional, só que agora com Patrícia Poeta, que deixa o Fantástico. Poeta será substituída na atração dominical por Renata Ceribelli, que já era repórter do programa. Fatima Bernardes vai se dedicar a um projeto pessoal dentro da emissora, ainda sem data para a estreia.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

A seguir, alguns pontos da conversa com William Bonner.

A SAÍDA DA FÁTIMA
“O público não vai ficar sem a Fátima, vai ficar comigo e com a Patrícia. A Fátima tem um projeto novo, que vai fazer dela uma profissional ainda maior, já a partir do ano que vem. Estava muito difícil para ela conciliar as funções de editora executiva do Jornal Nacional e da formatação do novo programa.”

Relembre a trajetória de Fátima Bernardes e assista vídeo da apresentadora sapateando em campanha de 1991.

PESO NOS OMBROS
“A gente já estava até tentando se habituar à ideia dela (Fátima) chegar mais tarde ao JN. Como editora, ela chegava e via os VT’s, dava palpites, mudava o que achava que tinha que mudar. Agora ela tira dos ombros o peso que estava incomodando tanto. A direção também foi bem sensível.”

POR QUE A PATRÍCIA
“A Patrícia tem uma versatilidade incrível. Ela participa de um programa no qual é obrigada a se envolver com diferentes materiais jornalísticos. Ela apresenta o Oscar, usa roupas lindíssimas, fez matérias de ciência nos Estados Unidos, acompanhou os desdobramentos do 11 de setembro...”

ESTILO INFORMAL
“O Jornal Nacional mudou muito sua forma de ser apresentado ao público nos últimos anos, é gritante a diferença. Se formos pegar o que levamos ao ar em março de 2009 e o que vai ao ar hoje, você percebe a diferença. São outras formas de apresentar. Não chega a ser coloquial, mas é mais informal. Esta busca da linguagem é algo que eu persigo desde os tempos de editor do Jornal Hoje, é algo com o qual me preocupo bastante.”

MESA DO JN
“A mesa do estúdio do Jornal Nacional é a melhor mesa de telejornalismo no mundo. Ela foi desenhada, foi concebida respeitando a postura e a ergometria da Fátima e a minha. Foi uma revolução silenciosa na forma de apresentar o jornal e de portar diante da câmera.”

Leia também: Patrícia Poeta no JN: relembre a trajetória da apresentadora

MULHERES NA BANCADA
“Não é padrão ter dois homens apresentando o Jornal Nacional. Quando, por algum motivo, só tem homem para apresentar, rola um muxoxo interno. E queira Deus que a Globo não ponha duas mulheres para que o tio aqui não perca o emprego.”

PROJETO PESSOAL
“Não diria que apresentaria um programa próprio... Gosto de carros, de vinho, de corrida. Gosto, melhor, sou alucinado pelo que faço no Jornal Nacional. Tenho um grande prazer e uma imensa dificuldade de explicar este sentimento. É uma cachaça do bem, e eu gosto muito. A não ser que a Globo mande tirar o velho de lá, eu continuo pelos próximos anos no mesmo lugar”.

Vote na enquete: Patrícia Poeta no Jornal Nacional: o que você achou da mudança?

William Bonner
AgNews
William Bonner

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.