Em entrevista ao iG, a cantora, grávida de seu primeiro filho, fala sobre a nova fase, a carreira, dinheiro e a causa gay

Wanessa: À espera do primeiro herdeiro, Marcus José
Claudio Augusto
Wanessa: À espera do primeiro herdeiro, Marcus José

Wanessa engordou seis quilos desde o início da gravidez
Photo Rio News
Wanessa engordou seis quilos desde o início da gravidez
Aos quatro meses e meio de gravidez, a cantora Wanessa não está focada apenas na chegada do primeiro herdeiro, José Marcus , um nome em homenagem ao pai e ao marido, Marcus Buaiz , com quem está casada há quatro anos. "Ele nasceu para ser pai e já é um paizão", derrete-se a cantora, que segue com as apresentações do novo CD, "DNA".

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

A gestação não diminuiu a intensidade de shows - ou as coreografias intensas no palco. Embora esteja passando por transformações físicas e com seis quilos a mais, ela tira de letra os ajustes que teve que fazer em suas performances: “Primeiro vem o estranhamento, depois a adaptação até que a gente se acostuma”. Wanessa ainda faz um show na boate The Week neste sábado (20), antes da licença-maternidade.

FOTOS: Com vestido larguinho, Wanessa faz show descalça

Em conversa com iG Gente , ela conta que sente-se segura para o papel de mãe após ajudar na educação de Igor , seu irmão onze anos mais novo - “Eu troquei fralda, dei de mamar e coloquei para dormir” - e que é uma boa líder em casa e na administração de sua vida financeira. “Eu sei exatamente quanto eu tenho no banco, o que entra e o que sai.” Confira os melhores terchos do bate-papo com a cantora:

Tenho uma regrinha básica que vou usar na educação do meu filho. Respeitar o próximo, as escolhas e a vida. Isso vai prepará-lo para uma opção diferente, seja ela sexual ou religiosa"

iG: O que espera do show na “The Week” neste sábado (20)?
Wanessa:
A expectativa é grande, será um marco dos últimos meses de trabalho antes da licença-maternidade.

iG: Em seus shows, principalmente na The Week, você sempre defende a causa gay, fala na primeira pessoa do plural sobre as conquistas. Como foi a sua adolescência em relação à homossexualidade?
Wanessa:
Nunca tive uma experiência gay, mas também nunca estranhei porque desde pequena convivi com homoafetivos, até por causa do meio artístico do meu pai. Isso sempre foi natural. Com 11 anos comecei a fazer teatro, e eu lembro que eu já percebia. Também sempre tive amigas mais velhas no prédio que eu morava, então eu de alguma maneira já entendia.

LEIA MAIS:  Wanessa sobre primeira gravidez: "Estou feliz e meio inchada"

iG: Se seu filho te contar um dia que é gay, qual o maior conselho que você daria pra ele?
Wanessa:
Tenho uma regrinha básica que vou usar na educação do meu filho. Respeitar o próximo, o outro, respeitar as escolhas e a vida. Isso vai prepará-lo para uma opção diferente, seja ela sexual ou religiosa.

Wanessa ao lado do pa Zezé DiCamargo e do marido Marcus Buaiz
AgNews
Wanessa ao lado do pa Zezé DiCamargo e do marido Marcus Buaiz
iG: Você nasceu em uma realidade bem diferente da qual vive hoje. O que aprendeu com os seus pais que vai passar para seu filho?
Wanessa:
Aprendi tudo com os meus pais, que têm caráter, honestidade, são pessoas de bem. Tudo isso quero deixar de herança para os meus filhos, mas também levo para o “DNA”, para qualquer lugar que eu vá. O que eles me ensinaram, eu procuro melhorar e passar adiante.

Nunca tive uma experiência gay, mas também nunca estranhei porque desde pequena convivi com homoafetivos, até por causa do meio artístico do meu pai. Isso sempre foi natural"


i G: Como está sentindo as mudanças físicas da gestação?
Wanessa:
Primeiro vem o estranhamento, depois a adaptação até que a gente se acostuma. A minha barriga está crescendo a cada dia. O bebê já chuta, mas só de levinho!

iG: Com a gravidez, quais adaptações você já teve que fazer nos seus figurinos do show?
Wanessa
: Tenho uma equipe que faz isso, mas no momento eu que estou decidindo sozinha o meu figurino, que é diferente para a TV, para o rádio, para os shows. Aumentou um número e estou adaptando para ficar confortável. Às vezes a gente quer ficar muito linda e usa coisas que agora não dá, porque não pode apertar.

LEIA TAMBÉM: Zézé Di Camargo ganha homenagem de Wanessa na TV

Wanessa em show no último final de semana, com um figurino mais larguinho
Divulgação
Wanessa em show no último final de semana, com um figurino mais larguinho

Eu sei exatamente quanto tenho no banco, o que entra e o que sai. Trabalho em conjunto com o meu financeiro, juntos a gente cuida de tudo. Apanhei no começo para ser uma boa líder, mas hoje as pessoas resolvem tudo antes mesmo de eu pedir"

iG: Você é uma pessoa consumista, que faz muitas loucuras com dinheiro?
Wanessa:
Em viagens é quando eu gasto mais dinheiro porque invisto no meu armário, em bons figurinos para shows, mas em geral sou muito controlada. Compro apenas o necessário. Mas lá fora é mais barato, então acabo ficando mais tempo no shopping e me permito até fazer uma loucura.

iG: E quem cuida do seu dinheiro? Você sabe quanto tem no banco, por exemplo?
Wanessa:
Eu sei exatamente quanto eu tenho no banco, o que entra e o que sai. Trabalho em conjunto com o meu financeiro e juntos a gente cuida de tudo. Eu faço a liderança, mas não é difícil manter uma casa e uma carreira quando se tem um bom time. Apanhei no começo para ser uma boa líder, mas hoje as pessoas resolvem tudo antes mesmo de eu pedir.

Wanessa entrando na igreja com o seu pai, o cantor sertanejo, Zezé de Camargo
Divulgação
Wanessa entrando na igreja com o seu pai, o cantor sertanejo, Zezé de Camargo
iG: E você se envolve na administração da sua casa? Cuida das coisas do dia a dia?
Wanessa:
Meu dia a dia é relax, minha rotina é bem controlada. Tenho uma pessoa que me ajuda muito, a Mari, que é como a minha segunda mãe. É bom ter pessoas competentes, eu só vou ajudando a liderar.

iG: O que acha de ser chamada de “Beyoncé brasileira”?
Wanessa: Acho a Beyoncé o máximo, mas não me vejo como diva. Sou uma menina, meu negócio é cantar e isso é público. Fico lisonjeada com o carinho das pessoas que gostam do meu trabalho. Sou abençoada por fazer o que eu gosto, e ainda me sustentar. Não é todo mundo que tem essa sorte.

Dança dos Famosos: Wanessa e Marcos Paulo abrem o jogo no “Domingão do Faustão”

Ajudei a criar o meu irmão, que tem onze anos a menos. Troquei fralda, dei de mamar, coloquei para dormir. Tive que explicar coisas sobre sexo, acompanhei o primeiro beijo dele. Já participei de uma criação, não é novidade para mim...

iG: Como assim menina?
Wanessa:
Eu me sinto uma menina na minha carreira, mas não na vida. Digo isso porque foi tudo muito rápido na minha vida, comecei mais velha. Enquanto tinha gente aprendendo a cantar no colégio, eu estava cantando sozinha no banheiro, como todo mundo faz.

iG: Você é bem próxima da Bia Antony (mulher do ex-jogador Ronaldo), que tem duas filhas já. Ela te deu algum conselho sobre maternidade?
Wanessa:
A maioria das minhas amigas ainda está longe de casar. Elas estão numa fase de definição profissional, se firmando na carreira, ou conquistando um posto melhor no trabalho. Um quarto da minha turma já tem filhos, que casou cedo como eu. Assim como a Bia, essas amigas são grandes guias para mim, que me dizem o que comprar, o que fazer, quais historinhas são legais, se ver televisão é bom ou não, coisas desse tipo.

Wanessa é famosa mais próxima de Bia Antony e elas posaram coms os maridos - Marcus Buaiz e Ronaldo - no camarim da cantora, em outubro de 2009
Divulgação
Wanessa é famosa mais próxima de Bia Antony e elas posaram coms os maridos - Marcus Buaiz e Ronaldo - no camarim da cantora, em outubro de 2009

Sexo na gravidez depende de cada um. Para mim, é normal. Mas não sei como vai ser quando a barriga for crescendo..."

iG: Agora é a sua vez de ter a sua família, você se sente preparada?
Wanessa:
Não tem jeito, com filho ou sem, sou apaixonada por criança. Eu ajudei a criar o meu irmão, que tem onze anos a menos. Eu troquei fralda, dei de mamar, coloquei para dormir. Tive que explicar várias coisas sobre sexo, acompanhei o primeiro beijo dele. Já participei de uma criação, então não é novidade para mim.

iG: Como é para você sexo na gravidez?
Wanessa:
Sexo na gravidez depende de cada um. Para mim é normal, mas não sei como vai ser quando a barriga for crescendo. Ainda não estou nessa fase (barrigão), a minha barriga é bem maleável, ainda dá para dormir de lado, mas não sei como vai ser lá na frente.

Marcus Buaiz e Wanessa Camargo:
AgNews
Marcus Buaiz e Wanessa Camargo: "Ele é um paizão"

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.