Equipe da 32ª Delagacia de Polícia de Taquara deve ouvir Daniel e não descarta interrogar outros participantes

Monique e Daniel: expulsão e caso de polícia
Reproduçao TV Globo
Monique e Daniel: expulsão e caso de polícia
O delegado Antonio Ricardo , titular da 32ª Delegacia de Polícia de Taquara, responsável por averiguar envolvidos na suspeita de estupro no caso Daniel e Monique , chegou ao Projac por volta das 10h30 desta terça-feira (17) para interrogar a suposta vítima. Em entrevista aos jornalistas presentes, ele disse que não descarta a possibilidade de interrogar outros participantes.

LEIA MAIS : ENTENDA O CASO DO SUPOSTO ABUSO DE DANIEL EM MONIQUE

VEJA TAMBÉM: DANIEL É EXPULSO DO PROGRAMA

O delegado chegou pelo portão lateral do Projac para não ser visto, pela Portaria 1 da Rodovia dos Bandeirantes. Mais cedo, por volta das 9h40, ela estava no banheiro conversando com Jonas e Fael, e o áudio do Pay Per View foi silenciado. Surpreendidos com o que ouviram da produção, os três se entreolharam e Jonas comentou: “De novo?”. Em seguida Monique sumiu da linha de alcance das câmeras, e não apareceu até então . A emissora confirma que a participante está sendo ouvida pela equipe de investigação da Polícia Civil. Monique pode ainda hoje se submeter a um exame de corpo de delito para constatar os abusos, mas pode se recusar a fazer o procedimento se quiser.


ACOMPANHE TODAS AS NOTÍCIAS SOBRE BBB 12

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.