Relembre as brigas que marcaram a história da TV, mesmo acontecendo fora do ar

A campanha do “Fora Bolina” feita por integrantes do programa Pânico na TV!, da RedeTV!, para que Dani Bolina fosse eliminada de “A Fazenda 4”, foi o início do mal estar entre a equipe do programa e sua ex-integrante. Chamada às pressas pelo reality da Record para substituir a boxeadora Duda Yancovich , Dani não avisou sua antiga emissora que estaria deixando a casa.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

Dani Bolina responde perguntas sobre a participação relâmpago no reality
Reprodução
Dani Bolina responde perguntas sobre a participação relâmpago no reality

O fato irritou o grupo, que fez campanha no Twitter para que Bolina fosse eliminada do reality, o que, realmente, ocorreu. A rixa entre os dois lados ficou ainda maior quando foi ao ar no “Tudo é Possível”, uma entrevista com a ex-peoa, afirmando que algumas assistentes de palco da atração da Record já teriam feito programa e, uma delas, já teria sofrido assédio sexual .

A briga entre o “Pânico” e Bolina não é a única a ultrapassarem as barreiras das telinhas e virarem destaque fora do ar. Relembre alguns casos famosos:

João Gordo e Dado Dolabella

João Gordo e Dado Dolabella
Reprodução
João Gordo e Dado Dolabella

Em 2003, após ser questionado se o rótulo de “ex-global” o incomoda, ter o título de seu CD alterado de "Dado Para Você" para "Dando Para Você", e ser chamado de playboizinho por João Gordo, Dado Dolabella quebrou a mesa do cenário de um programa da MTV e partiu para cima do apresentador, que peitou a briga e seguiu ameaçando o ator, mesmo diante das câmeras.

Datena e Renata Fan

Datena e Renata Fan
Reprodução
Datena e Renata Fan

Em fevereiro de 2010, após afirmar que o “congela” do programa de Datena era uma espécie de censura, Renata Fan foi criticada ao vivo, logo que entregou o “Jogo Aberto” para a entrada do “SP Acontece”. "Quando você ainda era miss, eu já apresentava programa de TV e corria atrás dos jogadores de futebol, minha filha", disse Datena, que ainda chamou a miss Brasil 1999 de “desavisada”.

Latino e Anna Hickmann

Latino e Anna Hickmann
Reprodução
Latino e Anna Hickmann

Em agosto de 2011, Ana Hickmann e Latino se desentenderam durante a gravação do quadro “O Bar do Tudo é Possível”, da Record. O cantor alegou que a apresentadora o deixou esperando cinco horas, enquanto a assessoria de imprensa dela declarou que foi ele quem deu um “showzinho”. A briga deixou os bastidores e foi parar no Twitter. “A Ana Hickmann declarou em coluna (de um jornal) que eu sou moleque. É um pena que uma mulher tão talentosa como ela esteja tão mal amparada em seu programa", postou o cantor em sua página na rede social. A assessoria da apresentadora afirmou que Ana chegou em casa chorando após o ocorrido.

Dani Souza e Anna Hickmann

Dani Souza e Ana Hickmann
Reprodução
Dani Souza e Ana Hickmann

A briga com Latino não foi a única em que Ana Hickmann se envolveu. Meses antes, a apresentadora do “Tudo é Possível” já tinha usado a rede social para desabafar, após Dani Souza não participar de uma das gravações do programa e abandonar a atração. “Fiquei triste e decepcionada. Mas a vida é assim, cada um escolhe o seu caminho”, postou Ana no microblog, que estava viajando na época. Ao iG, Dani Souza explicou o ocorrido . “Tive uma reunião com o (diretor) Vildomar para dizer que não faria a pauta na torcida do Santos. Ele foi muito grosso, me ofendeu, disse que eu não tinha importância para o programa, que tanto fazia... Que agora já tinha a Lize (Benitez) e eu não era interessante para o programa". Atualmente, Ana Hickmann promove em sua casa em Itu um quadro onde escolhe a substituta de Dani em sua atração.

Clodovil e Christina Rocha

Clodovil e Christina Rocha
Reprodução
Clodovil e Christina Rocha

Clodovil Hernandes, morto em março de 2009, foi protagonista de diversas brigas dentro e fora da telinha. Uma delas foi com Christina Rocha, com quem dividia a apresentação do programa “Mulheres”, da TV Gazeta, em 2001. Ele, que fazia diversas críticas à companheira de palco, ao vivo, foi afastado da atração quando disparou: “vou me afogar nas águas sujas do Tietê se tiver que continuar ao lado dessa mulher”.

Nicole Bahls e Juju Panicat

Nicole Bahls e Juju Panicat
Reprodução
Nicole Bahls e Juju Panicat

Em junho de 2011, Juju Panicat foi acusada por Nicole Bahls de sacrificar animais para fazer macumba. Assistentes de palco do “Pânico na TV!”, da RedeTV!, as duas foram afastadas da atração por um período, já que a discussão chegou às redes sociais e tomou grandes proporções. Pelo Twitter, Juju desabafou: “Vamos rir Brasil!! Juju é macumbeira e mata bichos!! Kkk Nojo de quem afirmou isso e mais nojo de quem acredita” . Juju finalizou seu post afirmando que Nicole teria que pagar na justiça sua acusação.

Agnaldo Timóteo e Felipe Campos

Agnaldo Timóteo e Felipe Campos
Reprodução
Agnaldo Timóteo e Felipe Campos

Em maio deste ano, pouco depois de voltar ao comando do “SuperPop”, Luciana Gimenez viu Felipe Campos, um de seus convidados na ocasião, tirar Agnaldo Timóteo do armário. Ao afirmar que o músico era gay, Aguinaldo, que também estava no palco, retrucou “Não sou, não”. Mesmo com a negativa do músico, Felipe declarou: “Eu pensei que você fosse assumido, mas desculpa. Tudo bem...”. Agnaldo não ficou quieto: “Nem assumido, nem desassumido. Sou apenas Aguinaldo Timóteo”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.