Colunista foi chamado de "bicha" e "ajudante homossexual" por Dani Calabresa e Bento Ribeiro

A gafe de Claudete Troiano na última semana deve render um processo para Dani Calabresa e Bento Ribeiro . A dupla apresentadora do “Furo MTV” resolveu satirizar o momento em que a apresentadora manda um beijo no ar para Leila Lopes , atriz morta em 2009. Quem também virou motivo de brincadeira foi o colunista Marcelo Bandeira , que no ar, ficou assustado com o comentário de Claudete no ar e relembrou a apresentadora da morte da atriz, quando ela questionou por onde Leila andava.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

Marcelo Bandeira e Claudete Troiano, durante gravação do programa
Divulgação
Marcelo Bandeira e Claudete Troiano, durante gravação do programa "Manhã Gazeta"

Antes de mandarem beijos para outras personalidades já mortas, fazendo uma sátira ao assunto, Dani e Bento chamaram Marcelo de bicha e ajudante homossexual. Ofendido, Marcelo já acionou seu advogado para saber o que pode fazer em relação aos comentários dos apresentadores. “Eles pegaram pesado. Não vi motivos para eles fazerem isso. Por mais que seja brincadeira, não gostei. Tenho família, sobrinhos, me senti ofendido”, comentou Marcelo ao iG Gente. O colunista, que comentou gostar bastante do humor de Dani Calabresa, relacionou seu caso com outro recente na telinha, desta vez, no “CQC”. “Foi a mesma coisa quando o Rafinha Bastos falou que comeria a Wanessa e o bebê. Os comediantes hoje estão se perdendo”, comentou.

Marcelo comentou que, mesmo sabendo que era uma brincadeira, está bastante chateado com a situação e afirmou também que as pessoas que estão assistindo ao vídeo, afirmaram que, assim como ele, também não gostaram do que viram. “Não quero que ninguém fique rindo à minha custa. Me senti o bobo da corte. É uma situação vexatória. Fui achincalhado em rede nacional”.

Marcelo saberá que atitudes tomar diante da justiça nesta sexta-feira (23), mas afirma que já tem uma certeza em relação ao caso: “Não vou deixar barato. Não vou deixar passar barato. As pessoas fazem com a gente o que a gente permite”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.