TJ-SP determinou a suspensão de penhora de créditos em processo movido por apresentador, morto em 2009

Clodovil
Reprodução
Clodovil
Nesta quarta-feira (14), a RedeTV! pronunciou-se sobre o bloqueio da conta da emissora, após pedido da advogada de Clodovil Hernandes , morto em março de 2009. Em 2005, o apresentador entrou com processo contra o canal assim que foi demitido. Na época, Clodovil pedia R$ 2 milhões de indenização.

De acordo com a decisão, o dinheiro proveniente de pagamento de verbas publicitárias seria depositado em juízo.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

Quinze dias após a decisão judicial, a RedeTV! anunciou que o bloqueio foi suspenso pelo TJ-SP. “O Tribunal de Justiça de São Paulo acolheu pedido da RedeTV! e determinou a suspensão da decisão que determinava a penhora de créditos da emissora no processo movido pelo apresentador Clodovil Hernandes”, informou a emissora.

Leia também: Os barracos dentro e fora das telinhas - Relembre as brigas que marcaram a história da TV, mesmo acontecendo fora do ar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.