Entrevistado do "Programa do Jô", o ator fala sobre seu mais famoso personagem da TV e toca violino na atração

Mateus Solano participou do "Programa do Jô" que foi ao ar na noite de terça-feira (26). O ator, que recentemente deu vida ao vilão Félix em "Amor à Vida" e caiu nas graças do público, falou sobre a repercussão que o papel ainda tem em sua vida e aproveitou para contar seus novos projetos no programa que vai ao ar nesta noite.

Jô Soares começou o programa com suas tradicionais piadas e mostrou que no Brasil existem outros tipos de moeda além do real e apresentou o dinheiro chamado gostoso. O apresentador aproveitou a deixa para chamar o ator: "E hoje aqui no programa temos o gostoso", falou ele, arrancando gargalhadas da plateia.

Mateus Solano voltou a tocar violino e tocou 'Pintinho Amarelinho' no 'Programa do Jô'
Juliana Moraes
Mateus Solano voltou a tocar violino e tocou 'Pintinho Amarelinho' no 'Programa do Jô'

"Sabe que fiquei bem mais gostoso mesmo depois da novela? É que estou comendo pra burro", brincou Mateus. "Essa é a terceira vez que venho aqui e agora que estou nervoso", completou.

Ainda colhendo os frutos do vilão gay, que se redimiu, conquistou o perdão de todos e encontrou o amor da vida, Mateus falou sobre Félix no início da entrevista. "O Walcyr (Carrasco) cumpriu o que prometeu com a novela. Foi a mais longa dos últimos anos e teve muita agilidade", comentou. "Meu personagem passou por muitos núcleos porque era o vilão, fazia tramas por todos os lados. Ele começou muito do mal, mas o público o salvou."

Segundo o ator, o público sentiu-se à vontade com Félix. "Até o público masculino deu uma relaxada, mesmo com ele dando pinta. No final, teve uma história de amor muito bonita, que todo mundo torcia. E o beijo foi para coroar uma história de amor." Em clima de brincadeira, Mateus falou que, apesar do beijo sem língua em cena, ele e Thiago Fragoso faziam diferente nos estúdios. "Teve muita língua nos ensaios", divertiu-se, enquanto mandava beijos para o intérprete de Niko. Nos bastidores, o ator conta que eles chamavam o beijo da cena final de "beijo Tarcísio", pois eles fizeram de "boca fechada". Ainda sobre a novela, Mateus se divertiu ao dizer que, devido à intensa rotina de gravação, conquistou novos fios de cabelos brancos. Veja outros assuntos do bate-papo de Mateus Solano com Jô.

Gay não pode ser galã?

Em 10 de abril, estreia o filme "Confia Em Mim", no qual o ator dá vida a um anti-herói que tira vantagem de mulheres. "A gente conseguiu bastante cópias, vai ser exibido em muitas salas de cinema. Fiquei bem satisfeito com o resultado do filme", vibrou. "Tenho uma vida muito curta no cinema. Filmamos em 2012 e só agora está estreando. É bem diferente pra mim, que sou um cara do teatro, do ao vivo", explicou.

Jô quis saber mais sobre o personagem e perguntou se Mateus interpretava um galã, mas o ator contestou o título como um todo. "Nunca entendi essa coisa de galã. Só um herói pode ser? Então quer dizer que um gay não pode ser galã?"

O filme de Mateus  com Fernanda Machado mescla suspense com uma trama em que o homem dá toda a confiança à mulher até conseguir arrancar todo o dinheiro dela.

Filme sobre Erasmo Carlos

Sem pausa entre os trabalhos, Mateus prepara-se para levar a vida de Erasmo Carlos para as telonas. "Estou com o roteiro para ler. Estou pesquisando e superinteressado nessa época, porque conheço poucas músicas da Jovem Guarda", disse ele.

Mas a história de Mateus com Erasmo é anterior ao filme. Os dois se conheceram quando o ator trabalhou na minissérie "Maysa", da Globo, na qual deu vida ao Bôscoli. "Ele me ajudou muito nessa época. Sentou comigo e contou várias histórias dele. Depois da minissérie, uma vez encontrei com ele em um evento e ele me falou que eu estava mais parecido com o Bôscoli do que o próprio Bôscoli."

Espetáculo "Do Tamanho do Mundo"

Além do filme, o ator falou sobre sua peça de teatro, que vai entrar em cartaz em São Paulo, no Teatro Renaissance. "A Paula (Braun , mulher do ator) que escreveu, o texto é dela. Estamos muito felizes com essa temporada. Espero que vocês assistam, até porque fui eu que investi e agora preciso recuperar o dinheiro", brincou.

Volta aos estudos de violino

Uma cena da novela "Amor à Vida" trouxe à tona uma paixão antiga do ator: o violino. Mateus contou que durante a gravação do casamento de Paloma ( Paolla Olivera ) ele, muito brincalhão, pegou o violino e começou a se divertir. A mulher de Mateus gostou e pediu para que ele voltasse a fazer aula. "Voltei a estudar graças a Paula", contou. "Comecei a tocar com seis anos porque achava lindo, mas chegou uma hora que desisti porque gosto do improviso. Sem contar que tem que estudar para burro. [...] Agora estou voltando aos poucos", falou ele. Jô Soares pediu para que a produção trouxesse um instrumento. Sem timidez, o ator introduziu os acordes de "Pintinho Amarelinho" e fez com que a plateia se divertisse.

Ao final da entrevista, Mateus aproveitou para divulgar seu novo filme, "Menino do Espelho", que estreia em junho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.