Na primeira fila de desfile, a apresentadora comenta sobre o assédio da concorrência e fala também da vontade de ter filhos: "Sonho muito com isso, mas não faço planos, se vier, será muito bem-vindo". Veja quem já passou pela 36ª edição do SPFW

Sabrina Sato  pegou trânsito e chegou com uma hora de atraso no desfile feminino de Alexandre Herchcovitch   realizado no Teatro Municipal de São Paulo, na manhã desta terça-feira (29). “Peguei uma hora e vinte de trânsito, a CET até me ajudou a passar, mas não adiantou muito”, explicou a apresentadora. Mas ela não perdeu a viagem já que a grife fez duas apresentações de sua coleção de inverno.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

Sabrina Sato assiste ao desfile de Alexandre Herchcovitch no Teatro Municipal
AgNews
Sabrina Sato assiste ao desfile de Alexandre Herchcovitch no Teatro Municipal

Com um vestido preto básico e botas ousadas, Sabrina falou sobre sua relação com a moda. “Gosto de inventar, estar cada dia de um jeito, adoro ser várias mulheres. A mulher pode brincar, pode se divertir com moda, um dia acordar e achar que está mais sexy e também dá para esconder a personalidade através da roupa.”

Estrela do “Pânico na Band”, a apresentadora comentou sobre as especulações de que a Record estaria interessada em seu passe. “Em mim não chega nada, só vejo as notícias, mas não sei sobre isso”, desconversou. “Estou há 10 anos no ‘Pânico’, sempre sonhei em fazer o que eu faço hoje e é o que eu pretendo fazer para o resto da minha vida. Atualmente estou muito feliz lá, ainda tenho muito o que fazer com eles, mas vivo muito o presente, não sou do tipo que faz projetos, até deveria...” Ela respondeu se estaria pronta para ter um programa próprio. “A gente só sabe se está preparada para fazer algo quando isso acontece, a gente nunca sabe de fato.”

A namorada do ator e publicitário João Vicente de Castro  ainda falou sobre os planos de engravidar. “Sonho em ser mãe, sempre sonhei desde criança, mas é uma pressão tão grande de vocês (imprensa) para casar e ter filhos que, às vezes, eu queria ter logo só para não contrariar”, disse, aos risos. E completou: “Sonho muito com isso, mas não faço planos, se vier, será muito bem-vindo. Mas vai demorar alguns anos por causa do anticoncepcional que uso. Quando eu estiver minha cara vai virar uma bolacha, não vai dar para esconder.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.