Médico vai dizer para o filho reconquistar Edith e resgatar o casamento para não colocá-lo para fora do hospital e deixá-lo na rua e sem salário

Edith ( Bárbara Paz ) revelou para toda a família Khoury que Félix ( Mateus Solano ) tem um caso com o Anjinho ( Lucas Malvacini ) e César ( Antonio Fagundes ) ficou descontente com a notícia. O médico vai para o escritório da mansão e depois de um tempo Félix entra para conversar com o pai.

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as últimas notícias dos famosos

"Pai...", chama Félix ao entrar no escritório. "Pai? Você ainda tem coragem de me chamar de pai?", pergunta o médico, aos gritos com o filho. Ainda nervoso, César critica os trejeitos e apelidos inventados pelo filho. Tentando se defender do pai, Félix diz para César que ele também já teve casos fora do casamento, mas ele não aceita as acusações. "Para um homem, um homem que é homem com H maiúsculo, acontece. Antes da sua mãe, eu tive todas as mulheres que eu quis. Não nego que depois do casamento tive minhas aventuras. Eu já fui apelidado de garanhão! Como quer que eu me sinta, Félix, ao saber que meu filho é tudo, menos um garanhão? Que o filho de César Khoury... É gay?", diz ele.

Félix diz para o pai que se sentiria mais aliviado ao revelar que é gay e não precisar mais carregar essa mentira
Divulgação/TV Globo
Félix diz para o pai que se sentiria mais aliviado ao revelar que é gay e não precisar mais carregar essa mentira

O médico ainda lembra que colocou Edith no caminho do filho para "convertê-lo" e ainda faz uma pergunta indelicada. "Entre você e esse rapaz... Quem é o homem e quem é a mulher?", indaga César. "Pai... Eu estou constrangido com a pergunta...", responde Félix, que logo em seguida é cortado pelo médico com mais acusações. "A culpa é sua, que não soube se controlar. Se sua mulher ficou revoltada, se arrumou um amante, é porque sentiu falta de um homem de verdade", declara.

César questiona se o filho é capaz mudar e Félix assume que não é capaz. O médico então pressiona o vilão. "Mas vai ter que ser. Ou te ponho para fora do hospital! Você vai reconquistar a Edith. Vai resgatar o seu casamento com ela", avisa.

Félix tenta convencer o pai e diz que se sentiu aliviado ao dizer a verdade. "Pai, eu senti que podia ser mais feliz, sem ter que carregar essa mentira... Da vida dupla... E que se eu fosse mais feliz, eu podia ser... Melhor." Mas César continua renegando o filho. "Melhor para mim é não ter um filho gay", dispara o médico, antes de ameaçá-lo novamente. "Já disse. Te boto para fora do hospital. Te boto na rua, sem salário! Faço tudo que for possível para você ficar fora do meu testamento", conclui o médico. A cena de "Amor à Vida" tem previsão de ir ao ar a partir desta quinta-feira (01).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.