Apresentador do “Legendários” quer se consolidar como "o cara da diversão e da loucura do sábado à noite" e conta que que sonha em ter o cantor Fábio Jr. no quadro "Vale a Pena Ver Direito"

Marcos Mion falou ao iG Gente sobre as gravações do especial de três anos do “Legendários”, da Record, que teve Gugu Liberato como convidado e que vai ao ar neste sábado (27). “Foi o programa mais legal que fiz na minha vida. O Gugu é um comunicador que está há anos na TV”, elogiou Mion. “E no próximo sábado irá estrear o no quadro da Juju (Salimeni) , o “Você Faz o Que eu Faço?”, que vai dar o que falar”, antecipou o apresentador, sem revelar detalhes.

Curta a fanpage do iG Gente e acompanhe todas as novidades dos famosos

Mion quer ir cada vez mais longe como showman. Sua meta é ser líder de audiência e tudo indica que o apresentador seguirá os moldes de um dos sucessos dos anos 1980. “O ‘Legendários’ está cada vez se acertando mais nessa linguagem que é o que eu busco de ser, o ‘Viva a Noite’ dos anos 2000. É o que me motiva hoje, ser o cara da diversão e da loucura do sábado à noite", disse ele. "Eu cresci assistindo ao programa, vendo o Gugu, e nunca mais teve ninguém nesse lugar. As pessoas chegam para mim falando que ficam no sábado comigo, elas se alvoroçam comigo e fico feliz demais com isso."

O segredo do sucesso de Mion também está na inovação e na reciclagem do programa. “Estamos muito bem assim. Não dava para trabalhar direito com o elenco muito numeroso no palco porque hoje o grande sucesso do programa é o palco. Hoje surgem também muitos artistas espontâneos, como o Blade, o Hulk magrelo”, contou o apresentador que sonha ainda ter o cantor Fábio Jr. no famoso quadro “Vale a Pena Ver Direito”, que que analisa com bom humor imagens antigas e videoclipes dos artistas. “Seria demais. Nossa, não posso nem pensar.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.