Dois dias após notícia de que teria sido boicotada pela Globo em sua última apresentação no "Bom Dia São Paulo", a jornalista envia comunicado dizendo que não foi "substituída às pressas"

Nessa sexta-feira (5), Carla Vilhena deixou o comando do "Bom Dia São Paulo", da Globo, após dois anos à frente da bancada do telejornal. O ex-colega da jornalista  Marco Aurélio Mello  publicou nessa terça-feira (9) em seu blog "Do Lado de Lá" que ela teria sido impedida de se despedir em seu último dia de trabalho no "Bom Dia". Ainda de acordo com Marco Aurélio, Carla estava abalada e não conseguiu terminar sua participação, por isso foi substituída pela moça do tempo ( Eliana Marques ).

Curta a fanpage do iG Gente no Facebook e receba as notícias dos famosos

No final da tarde desta quinta-feira (11), Carla Vilhena enviou por meio da assessoria de imprensa da Rede Globo um comunicado negando que teria sido boicotada pela emissora e esclarecendo o motivo de sua emoção na última apresentação do "Bom Dia São Paulo". "Não é verdade que chorei no ar, tendo de ser substituída às pressas", disse ela na nota. "Já havia encerrado minha participação prevista no Bom Dia Brasil, quando me comovi conversando com uma colega grávida." No comunicado, a jornalista ainda afirma que, ao contrário do que foi noticiado, ela soube uma semana antes pela diretora de jornalismo Cristina Piasentini que seria substituída por Rodrigo Bocardi , correspondente da Globo em Nova York,  

Leia o comunicado na íntegra o comunicado enviado por Carla Vilhena:

"Em relação à nota sobre minha saída do Bom Dia São Paulo, gostaria de esclarecer que fui informada por Cristina Piasentini, diretora de jornalismo em SP, uma semana antes de sair de férias, que, por conta de um convite do Fantástico para reforçar a equipe do programa na capital paulista, caso eu aceitasse, deixaria a bancada do matinal. Depois de anos acordando cedo, embora ame o Bom Dia, aceitei. Não é verdade que chorei no ar, tendo de ser substituída às pressas. Sou uma profissional com anos de atividade, experiente. Como qualquer pessoa, já me emocionei com notícias do próprio telejornal, nunca por uma situação pessoal. Naquele dia, isso não ocorreu. Já havia encerrado minha participação prevista no Bom Dia Brasil, quando me comovi conversando com uma colega grávida. A participação de Eliana Marques no Bom Dia Brasil, chamando o Globocop, já tinha ocorrido em outras ocasiões. Quis me despedir no ar na sexta, mas fui informada para não fazê-lo, porque estava saindo de férias. Farei minha despedida ao apresentar Rodrigo Bocardi ao público na estreia dele, como já ocorrido em outras ocasiões com outros colegas. Lamento que uma mudança tão positiva na minha vida profissional tenha gerado tantas notícias truncadas. Sempre fui muito bem tratada na Globo, por todos, e continuo a ser. Tenho orgulho de fazer parte dessa equipe e ajudar a engrandecer o jornalismo da maior empresa de comunicação do país. A Globo me autorizou a dizer que o anúncio oficial sobre a minha saída e a entrada do Bocardi será feito nos próximos dias, quando a emissora achar conveniente. Carla Vilhena"

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.