A jovem conseguirá identificar quem é a chefe do tráfico e acabará morrendo com uma injeção aplicada pela vilã

Apesar de uma vida maior do que o esperado na trama, Jéssica ( Carolina Dieckmann ) irá morrer nos próximos capítulos de “Salve Jorge”. A personagem, que caiu no gosto popular, era para ter sido assassinada no começo da história, mas ganhou sobrevida devido à boa repercussão. Jéssica será assassinada por Lívia ( Cláudia Raia ) após descobrir que ela é a chefe do tráfico internacional de pessoas, segundo a coluna "Outro Canal", do jornal "Folha de S. Paulo". 

Sua saga até chegar ao nome da empresária teve seu primeiro momento no capítulo dessa terça-feira (8), quando Jéssica e Morena ( Nanda Costa ) descobrem que é uma mulher o mandante da operação, já que Russo ( Adriano Garib ) e Wanda ( Totia Meireles ) tratam a chefe por adjetivos e pronomes femininos. Além disso, Jéssica, que já trabalhou em uma loja de sapato, consegue ver o calçado que a comandante do tráfico está usando e ficará com isso na cabeça. O detalhe será primordial para que a traficada chegue até a verdadeira identidade da vilã. Lívia, por sua vez, ao saber que a jovem descobriu tudo, decide assassiná-la, aplicando uma injeção letal.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

Outros finais eram possíveis para Jéssica, como ela morrer na tentativa de salvar a vida de Morena, mas o seu desfecho será mesmo nas mãos de Lívia, a grande vilã da história. Esta cena tem previsão de ir ao ar no dia 22 de janeiro (terça-feira).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.