Luciano Camargo, Deborah Secco e Fernanda Motta falam sobre o fim da novela das nove no “Domingão do Faustão”

Luciano Camargo, Fernanda Motta e Deborah Secco conversam sobre final de
Reprodução
Luciano Camargo, Fernanda Motta e Deborah Secco conversam sobre final de "Avenida Brasil" no Faustão


Na reta final de “ Avenida Brasil ”, Fausto Silva decidiu reunir um trio de famosos noveleiros para discutir o rumo da trama global e tentar decifrar quem matou Max ( Marcello Novaes ). Luciano Camargo , Deborah Secco e Fernanda Motta foram os convidados do programa deste domingo (14) para falarem sobre a novela, que se encerra nesta sexta-feira (19).

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

Entre os debates, os três concordaram que Carminha ( Adriana Esteves ) não é a assassina. “Ela é muito mais vítima que vilã. Eu terminaria com Carminha presa, não como assassina”, apontou Luciano. “Ela fez um trabalho espetacular de transformar uma vilã em uma personagem que deixou o público apaixonado”, completou Deborah, que acredita que qualquer integrante da novela pode ser suspeito.

Luciano foi o único dos três que apostou em um assassino. “Acho que foi o Santiago”. Mas o sertanejo mudou logo de ideia ao ver que 48% do público votou no mesmo personagem que ele. “Era o Santiago até agora. Vão mudar”, brincou ele, acreditando que o autor deixe o final mais imprevisível.

Contando também com isso, Deborah fez um apelo. “Se alguém descobrir, não publica, por favor. Não estrague nosso suspense”.

E você? Quem acha que é o assassino de Max? Vote na enquete do iG na página principal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.