"Avenida Brasil" traz um time imbatível de traidores conjugais. Relembre outros infiéis da TV


O adultério está na moda em "Avenida Brasil" . Além do casal principal de traidores, Carminha ( Adriana Esteves ) e Max ( Marcello Novaes ), o autor João Emanuel Carneiro providenciou outros infiéis.

 Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos 

Carminha e Max são amantes, embora casados com Tufão ( Murilo Benício ) e Ivana ( Letícia Isnard ). Os pais de Tufão e Ivana, por sua vez, vivem um adultério cômico. Leleco ( Marcos Caruso ) e Muricy ( Eliane Giardini ) se separaram no início da trama. Ele se juntou com Tessália ( Débora Nascimento ), e ela com Adauto ( Juliano Cazarré ). Mas depois reataram - e mantém um conturbado caso às escondidas de seus atuais cônjuges.

Por fim, há Cadinho ( Alexandre Borges ). Desde o início da novela ele manobrava três mulheres: Verônica ( Débora Bloch ), Noêmia ( Camila Morgado ) e Alexia ( Carolina Ferraz ). Atualmente, o garanhão tem de se desdobrar entre as três, já que elas descobriram a farsa e decidiram dividir oficialmente o marido.

Mas adultério não é novidade no mundo das novelas. Desde sempre, as tramas televisivas apelaram para esse tempero conjugal: a infidelidade. E antes disso, também: um dos maiores clássicos da literatura portuguesa, "O Primo Basílio", de Eça de Queiroz , se baseia exatamente em uma traição conjugal. E chegou à TV em 1988, na minissérie adaptada por Gilberto Braga .

Por falar em "O Primo Basílio", vem de lá também o duelo entre patroa e empregada, que atualmente hipnotiza o público de "Avenida Brasil", na guerra entre Carminha e Nina ( Débora Falabella ). Mas essa é outra história.

Confira na galeria acima alguns adúlteros e adúlteras marcantes das novelas e minisséries.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.