"É uma inversão total de poder", diz João Emanuel Carneiro

Como o iG Gente já adiantou, a trama de "Avenida Brasil" vai passar por mudanças a partir do dia 19 . As mentiras de Nina ( Débora Falabella ) vão ser descobertas por Carminha ( Adriana Esteves ) nos próximos capítulos, e a megera vai dar uma lição na ex-enteada - ela vai mandar Lúcio ( Emiliano D'Avila ) matar Bethânia ( Bianca Comparato ) e fazer com que o crime pareça de autoria de Nina. Assustada e com medo de ser presa, Nina foge. Carminha comemora a vitória sobre a inimiga e acha que está livre da cozinheira. Mas por pouco tempo. De acordo com João Emanuel Carneiro , autor do folhetim, a história terá outra reviravolta. Nina consegue gravar um encontro de Carminha e Max ( Marcello Novaes ) e passa a chantagear a megera.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe as notícias dos famosos em tempo real

“A mando de Nina, a vilã tratará bem a filha, Ágatha ( Ana Karolina ), será uma boa esposa para Tufão e dará dinheiro aos pobres. É uma inversão total de poder e um grande momento da novela. Me diverti muito escrevendo”, disse ele em entrevista ao jornal “O Globo”. De acordo com João Emanuel, Nina vai mandar em Carminha por cerca de 20 capítulos, e aí a história voltará a se inverter. ”A novela vai ficar diferente”, disse ele. Nos últimos capítulos Tufão ( Murillo Benício ) tem sido visto lendo o “Primo Basílio”. A leitura, assim como todas indicadas a ele por Nina, é uma pista do autor do que vai acontecer no folhetim. No livro de Eça de Queiroz, a adúltera Luiza é chantageada pela empregada, a amarga Juliana. Aguardem cenas dos próximos capítulos...

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.