Namorados participaram de premiação, em São Paulo, e evitaram falar sobre o relacionamento. "Ela é sempre chique", elogiou o ator

Débora Bloch e Sérgio Marone evitam beijos em frente às câmeras
Orlando Oliveira/AgNews
Débora Bloch e Sérgio Marone evitam beijos em frente às câmeras

Sérgio Marone e Débora Bloch estiveram juntos na noite desta quinta-feira (10) no 33º Profissionais do Ano, no HSBC Brasil, em São Paulo - porém, apresentaram prêmios separados. O casal de namorados foi discreto frente às câmeras, trocando apenas beijos nas bochechas e abraços, e também nas entrevistas. "Não falo sobre isso", disse a atriz, ao ser perguntada como estava o relacionamento.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

Já Marone chegou a elogiar a companheira e contou que o coração está "melhor impossível". "Débora é sempre chique, eu sou quando precisa", comentou ele.

FOTOS: Famosos vão a premiação em São Paulo

Débora Bloch e Sérgio Marone
Claudio Augusto
Débora Bloch e Sérgio Marone
"Meu filho tem ciúmes"

Fora da televisão há pouco tempo, desde o fim de "Cordel Encantado", em setembro, Débora revelou que já tem novos projetos em vista. "Estamos resolvendo ainda, mas nada confirmado, por isso não posso falar", explicou. Em relação às férias, a atriz contou que deve ir para Trancoso, no sul da Bahia, passar as festas de fim de ano.

Mãe de dois filhos - Hugo, de 13 anos, e Júlia, de 18 -, Débora falou de sua relação com eles. "Meu filho tem ciúmes de mim, mas menino é uma loucura, acha que é dono da mãe. A Júlia assalta um pouco meu armário", brincou.

Leia Ainda: “Feliz com o namorado, em um momento ótimo”, diz Débora Bloch

Rapaz Engajado

Sérgio Marone não tirou férias desde o fim de "Morde e Assopra", em outubro. O ator explicou que está engajado em um projeto contra a construção da usina hidrelétrica Belo Monte, no Pará.

"Estou fazendo parte do 'Movimento Gota d'Água'. Consegui reunir 20 atores, como Murilo Benício , Marcos Palmeira , Carol Castro , Juliana Paes , Dira Paes , entre outros, para participar de um curta, que queremos transformar em uma campanha viral para tentar parar a obra da usina e discutir com a sociedade. Um obra que vai usar nosso dinheiro e nem fomos chamados para discutir. Que vai causar uma catástrofe ambiental, desalojar milhares de índios. Quer dizer, é um absurdo!", afirmou Marone.

Para o ano que vem, o ator recebeu propostas para fazer três peças de Nelson Rodrigues - já que em 2012 serão comemorados 100 anos do autor -, mas ainda não sabe de qual participará. "Vai ser legal fazer parte dessa história", finalizou.

Veja: Sérgio Marone faz ensaio sensual na praia da Barra

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.