Ator pretende voltar ao país com apoio de outros governos

Sean Penn e Hugo Chávez planejam trabalho em conjunto no Haiti
GettyImages
Sean Penn e Hugo Chávez planejam trabalho em conjunto no Haiti
O presidente da Venezuela, Hugo Chávez , se reuniu neste sábado com o ator americano Sean Penn em Caracas para falar sobre o trabalho humanitário que o artista realiza no Haiti, onde, destacou, lidera uma iniciativa apoiada pelo Governo venezuelano e o Exército americano.

"Não é a primeira vez que venho à Venezuela, mas quero dizer que o trabalho que estamos fazendo começou graças ao apoio do país e pudemos distribuir remédios com a ajuda que nos foi dada", disse o ator em uma declaração junto a Chávez em Miraflores, sede de Governo.

O ganhador de dois prêmios Oscar disse, além disso, que sua organização começou "ironicamente" com o apoio da Venezuela e do Exército americano.

"Esperamos que este tipo de colaboração seja exemplo para outras que existam no futuro entre Venezuela e Estados Unidos", disse Penn, além de assegurar que o dia tinha sido muito produtivo, por isso agradeceu "mais uma vez" a Chávez .

O líder disse que durante a reunião com Penn tinham tratado de temas de muita importância e assinalou que "o principal foi o Haiti".

É "um tema que mexe com o coração e tem que continuar mexendo", disse o líder.

Chávez apontou que a Venezuela trabalha atualmente com a ONG coordenada pelo americano no Haiti e que o trabalho de seu Governo na ilha foi feito em conjunto com a iniciativa de integração regional energética Petrocaribe.

"Explicava a Sean que para nós o Haiti é uma causa, terra bolivariana, povo irmão, e neste sábado fizemos novos planos, novas ideias", disse o presidente ao se referir as formas de ajuda para a ilha do Caribe.

Chávez disse ao ator que dava gosto receber "verdadeiros amigos que andam pelo mundo na causa social".

Após sua visita à Venezuela, Sean Penn viajará para o Haiti em sua missão de "ativista pelos povos oprimidos do mundo", segundo o líder.

Após o terremoto de 12 de janeiro de 2010, Penn decidiu ajudar o povo do Haiti e mantém a ONG J/P Haitian Relief Organization, fundada por ele mesmo e que ajuda um acampamento que serve de lar provisório para mais de 55 mil pessoas.

O ator viaja por vários países do mundo, como Áustria, Itália e Venezuela, buscando ajuda para o povo haitiano. EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.