Protagonista da peça, o ator falou como foi encarnar o personagem em pouco tempo de ensaio. "Praticamente abandonei minha família", disse

Rodrigo Lombardi se emociona ao agradecer a presença do público na estreia de
Claudio Augusto
Rodrigo Lombardi se emociona ao agradecer a presença do público na estreia de "Dom Juan"
Rodrigo Lombardi não conteve a emoção na estreia da peça "Dom Juan", na qual protagoniza o personagem título, nesta sexta-feira (30) no teatro Raul Cortez, em São Paulo. Após mais de duas horas de espetáculo, o ator agradeceu a presença do público com os olhos cheios de lágrimas. "Estamos entre amigos e, graças a Deus, somos muitos. Foi uma tarefa árdua montar esse clássico, mas é incrível em tão pouco tempo chegarmos aqui", discursou ele.

Siga o iG Gente no Twitter e receba notícias dos famosos em tempo real

Em entrevista ao iG Gente , Rodrigo falou da sensação de subir ao palco com este projeto ao qual ele se dedicou completamente durante os últimos dois meses. "Quando você vê que passou um recado e ele foi entendido em forma de aplauso, não tem como receber isso de outra forma sem se emocionar. Se gostaram ou não, se vai fazer sucesso ou não, não importa, se na nossa temporada nós mudarmos a vida de uma pessoa, já fizemos nosso trabalho", disse.

Com pouco tempo para deixar a peça 'pronta', o ator teve que fazer alguns sacrifícios. "Praticamente abandonei minha família. Mas, graças a Deus, tenho uma família que entende e está ao meu lado sempre", comentou.

LEIA MAIS: Rodrigo Lombardi: “Não tenho nada de Dom Juan”

Rodrigo Lombardi após o espetáculo, já sem o figurino de Dom Juan:
Claudio Augusto
Rodrigo Lombardi após o espetáculo, já sem o figurino de Dom Juan: "Graças a Deus, tenho uma família que entende meu trabalho e está ao meu lado sempre"
Para Rodrigo, o texto baseado na obra original de Molière, escrita no século XVII, não fala só sobre o galanteador Don Juan, mas discute temas ainda atuais como fé, moral, casamento e hipocrisia. "Quando ouvem falar em Dom Juan, pensam logo nele como conquistador, que eu estou no papel de galã. Mas isso é um pano de fundo pequeno para levantar outras questões", explicou.

Se levou para o personagem alguma característica sua, Rodrigo respondeu que "um ator sempre empresta um pouquinho do que é e do que acha para um papel". E Dom Juan o ensinou alguma coisa? "Todo esse questionamento que ele faz, espero ao longo da minha vida ter sabedoria para responder e passar para as pessoas", concluiu.

LEIA AINDA: Rodrigo Lombardi fará par romântico com Nanda Costa em sua próxima novela

Próxima Novela

Apesar de "Avenida Brasil" ter estreado há alguns dias, Rodrigo Lombardi já sabe que está escalado para a próxima novela das nove. O ator será o protagonista de "Salve Jorge", escrita por Glória Perez, onde fará par romântico com Nanda Costa . "Pouco sei deste trabalho. Sei somente que farei o Téo, chefe de uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) do Morro do Alemão (no Rio de Janeiro). Lá, ele encontra uma garota e se apaixona. Mas ela vai embora para o exterior, onde enfrenta uma série de problemas e ele acaba indo atrás dela", contou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.