A namorada do ator e diretor é modelo, 35 anos mais jovem do que ele e diz que tem muitos talentos

Renata Bonjesus:
Juliana Moraes
Renata Bonjesus: "As pessoas precisam saber que eu não sou uma cabecinha vazia"
Renata Bonjesus , a nova namorada de Wolf Maya , tem 25 anos (35 menos do que ele) e nasceu em São Manuel, no interior de São Paulo. É modelo desde os 15 anos, já morou em países como a Tailândia, Coréia, Índia e Itália. Em um relacionamento sério com o ator e diretor desde dezembro de 2011, Renata já foi apresentada aos familiares de Wolf.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

Ainda em dúvida sobre seguir a carreira de atriz ou a de escritora, Renata conversou com o iG sobre o relacionamento com o diretor e ainda disse que é o arrimo da família desde a adolescência. Confira abaixo o bate-papo:

iG: Como você conheceu o Wolf Maya?
Renata Bonjesus:
Eu conheci na Croácia, em julho do ano passado, com um grupo de amigos. Ele estava lá curtindo de férias e coincidentemente a gente participou do mesmo mergulho. Ele é muito divertido e eu também tenho um lado muito palhaça, aí gente se identificou. Ficamos superamigos, foi aquela coisa gostosa. Não falamos nada sobre trabalho, voltei para o Brasil energizada – ele também, te garanto – e a gente continuou saindo e foi rolando e a gente começou a namorar em dezembro.

iG: Com qual frequência vocês se encontram, já que mora em São Paulo e ele, no Rio?
Renata Bonejus:
A gente se encontra aos finais de semana e na próxima semana a gente vai ficar um bom tempo junto, assim que a novela se encerrar. Ele anda muito ocupado, está trabalhando muito, gravando o dia todo, saindo do Projac à meia-noite.

Renata Bonjesus e Wolf Maya vão viajar para fora do Brasil quando
Juliana Moraes
Renata Bonjesus e Wolf Maya vão viajar para fora do Brasil quando "Fina Estampa" acabar
iG: Você já conhece a família dele?
Renata Bonjesus: 
Eu já conhecia, mas ele fez um jantar para oficializar a união.

iG: Como está o relacionamento de vocês?
Renata Bonjesus:
Cinco meses de relacionamento é muito pouco, não quero ficar expondo a minha intimidade. Sou um pouco fechada para falar de relacionamento. Ele ainda fala ‘nós estamos apaixonados, curtindo a vida’. E é o que eu falo também. Estamos apaixonados.

iG: Vocês têm algum plano para quando acabar a novela "Fina Estampa"?
Renata Bonjsesus:
Vamos viajar para fora do Brasil. Ainda não escolhemos o destino, mas provavelmente iremos para a Grécia

iG: Tem medo de ser conhecida apenas como a namorada do Wolf Maya?
Renata Bonjesus:
Não tenho medo de ficar marcada por causa do Wolf porque o talento é meu, as pessoas vão começar a conhecer os meus talentos. Elas podem pensar que só cheguei lá por causa dele, mas não tenho problemas com isso.

iG: A diferença de idade é uma barreira no relacionamento de vocês?
Renata Bonjesus:
Foi algo que foi imperceptível porque eu penso que não tem idade certa para se apaixonar. Você começa pelo carinho, pela conexão, quando você vê já está apaixonado. Idade não tem nada a ver desde que se ame verdadeiramente. O Wolf é mais jovem, mais animado do que eu.

iG: Como é o seu relacionamento com sua família?
Renata Bonjesus:
Sou arrimo de família, cuido da minha família desde os 16 anos.

iG: Já surgiu alguma proposta de trabalho na televisão para você?
Renata Bonjesus:
Ainda não tenho nenhuma proposta, até mesmo porque quero estar muito bem preparada, mas tem o filme que eu vou fazer “O Inferno de Cada Um”, tenho mais duas propostas de filme que ainda não estão fechadas. Agora estão me criticando: ‘ah, ela quer ser atriz’, ‘claro que ela quer ser atriz’, mas na verdade eu já sou atriz. Já fiz diversas campanhas de publicidades, fiz participação em filme de Bollywood, mas quero estar 100% preparada antes de fazer qualquer teste.

Renata:
Juliana Moraes
Renata: "as pessoas vão começar a conhecer os meus talentos através dos meus trabalhos"

iG: Quais são as suas outras áreas de atuação além da carreira de modelo?
Renata Bonjesus:
Estou em um momento da minha vida que nem eu sei direito. Eu sou escritora, escrevo poemas. Sou poetisa, tenho um blog que não divulgo. As pessoas precisam saber que eu não sou uma cabecinha vazia, que entrou por entrar na vida do Wolf.

iG: Além de fazer aula na escola de teatro do Wolf, você também trabalha lá?
Renata Bonjesus:
Eu trabalho na escola do Wolf Maya na área do switcher, na parte de edição ao vivo, e faço várias coisas para ver o que eu vou querer da vida. Estou aos 25 anos e é a idade do autoconhecimento.

iG: Quais são maiores ambições profissionais?
Renata Bonjesus:
Tenho projetos de lançar livros, não só relacionado a poemas, mas também livros infantis, porque eu gosto muito de escrever. Além de modelar, acabei de fazer a co-direção, roteiro e produção de um videoclipe para a MTV Europa, chamado “Take Your Time”. Eu gosto desse mundo de editar e filmar, produção. Estou em um momento da minha vida que gosto de fazer tudo, é muito intenso de estudo, estou voltada aos estudos realmente.

iG: E o que mais deseja que aconteça em seu futuro?
Renata Bonjesus:
Meu futuro ainda está indefinido. Falam com tanta convicção que quero ser atriz da Globo, mas na verdade tenho muitos talentos, como uma boa leonina. Esse é o momento da minha vida de aprofundar nos estudos para descobrir o que fazer. Sei que a carreira de modelo é curta, já tenho dez anos de estrada e ainda tenho uns dez anos pela frente. A única coisa que é certa é a minha criatividade e a minha cabeça viajante. Então, sei que sempre vou escrever e talvez seja algo fixo e pode se tornar o meu ganha-pão.

iG: Há quantos anos você é atriz?
Renata Bonjesus:
Para ser atriz não precisa ter DRT. Você se considera atriz do momento que você consegue expressar a sua arte. Atriz é um dom, um talento que a pessoa já nasce. Estou aperfeiçoando o meu conhecimento. O DRT é uma consequência. Me considero atriz também.

iG: Com quantos anos você começou a modelar?
Renata Bonjesus:
Comecei com 15 anos e aos 16 fui para a Coréia, com contrato e minha mãe ficou preocupada no começo.

iG: Em quais países você já morou?
Renata Bonjesus:
Já morei um ano na Coréia, um ano na Índia, sete meses na Tailândia, três meses na Malásia e três meses na Itália, mas já fui para vários países da Europa só para fazer trabalhos de catálogos. O país que eu mais gostei foi a Tailândia, mas a Índia é o país que me atraiu mais espiritualmente. Mudei o eixo do meu pensamento e comecei a me questionar.

iG: Qual a história mais marcante do tempo em que você morou fora?
Renata Bonjesus:
Uma vez eu estava na Coréia e me ofereceram mais de 100 camelos para a minha família. Um cara também turista disse que queria casar comigo e tudo. Fiquei morrendo de medo e chamei os seguranças. Eu era muito nova e ingênua. Essa história é engraçada. Mas isso não quer dizer que eu tenha um preço, que eu tenha um valor, que alguém consiga me comprar.

Renata Bonjesus em pose de modelo
Divulgação
Renata Bonjesus em pose de modelo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.