Ex-namorado de Kate Moss ignorou um aviso da justiça de Berlim após incidente na Alemanha e, agora, pode ser preso

Pete Doherty
Getty Images
Pete Doherty
Nesta sexta-feira (13), a procuradoria de Berlim emitiu uma ordem de prisão contra o roqueiro britânico Pete Doherty , o ex-namorado de Kate Moss , por não responder aos avisos judiciais que foram enviados por dirigir bêbado e por ter arremessado um copo contra um carro, quebrando o vidro traseiro do veículo em dezembro de 2010.

"O cantor tem agora um prazo de duas semanas para se apresentar e, caso não cumpra com seu dever, será emitida uma ordem de busca e captura", informou uma fonte da procuradoria.

A justiça berlinense impôs uma multa de 3 mil euros por Pete ter destruído um automóvel estacionado, em dezembro do ano passado, durante sua passagem na capital alemã. O roqueiro estava dirigindo completamente bêbado. Na ocasião, Doherty foi detido após uma testemunha alertar uma patrulha da Polícia berlinense. Sob a acusação de danos materiais, Pete ficou preso durante três horas.

Até agora, o músico ignorou a multa imposta e, se não pagá-la, poderá passar 30 dias em uma penitenciária de Berlim.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.