Ator de "Fina Estampa" é modesto ao falar de seu sucesso no Brasil. "Devo tudo isso à novela", afirma

Paulo Rocha:
Francisco Cepeda / AgNews
Paulo Rocha: "Daqui a pouco o Brasil vai superar o assédio que recebia em Portugal”

Paulo Rocha , o Guaracy de “Fina Estampa” , causou alvoroço na tarde desta terça-feira (28) ao desfilar no Mega Polo Moda, em São Paulo. Modesto, o ator creditou sua popularidade à novela. “Não tinha consciência o que era fazer uma novela no horário nobre no Brasil. Devo todo esse carinho do público ao sucesso da novela e aos responsáveis, Aguinaldo Silva (autor) e Globo. Estou fazendo meu caminho, estamos todos fazendo nossa parte e, se fizermos sempre o melhor possível, todos nós lucramos”, disse ele, em entrevista ao iG Gente .

Siga o iG Gente no Twitter e receba notícias dos famosos em tempo real

Durante todo o tempo que ficou no evento, Paulo ouvia gritos de ‘lindo’, ‘maravilhoso’ vindos da mulherada que o cercava. Perguntado se em Portugal também era assim, o ator contou que as brasileiras estão quase ganhando de suas conterrâneas. “Daqui a pouco, o Brasil vai superar o assédio que recebia lá”, afirmou.

Paulo Rocha:
Francisco Cepeda / AgNews
Paulo Rocha: "Guaracy foi criado para amar Griselda"
Aliás, foi por conta de sua fama nas terras lusitanas que Paulo recebeu o convite para atuar na novela global. “O Aguinaldo viu um outro trabalho meu e me convidou. Isso é muito gratificante para mim. Ainda mais depois dessas demonstrações de carinho do público. Vejo que estou na profissão certa”, explicou.

Leia Ainda: Polêmica antiga de Paulo Rocha volta à tona

Esther ou Griselda?

Discreto, Paulo Rocha não quis revelar com quem ele gostaria que seu seu personagem, Guaracy, terminasse a trama, e ainda fez mistério sobre o final escolhido pelo autor.

“Guaracy foi criado para amar Griselda ( Lília Cabral ), assim como acredito que Esther ( Julia Lemmertz ) e Paulo ( Dan Stulbach ) foram criados para amar um ao outro. Mas, assim como na vida, nem sempre ficamos com as pessoas que amamos, nem sempre o caminho é certo. Na novela também há esses desencontros. Mas tem que acabar tudo bem”, explicou ele.

Leia Também: Lília Cabral e Paulo Rocha prestigiam peça de Marcelo Serrado no Rio

Romântico na Vida Real

Paulo Rocha garantiu estar solteiro e desconversou se havia conhecido alguma brasileira interessante. “Conheci muitas brasileiras, como todas que estão aqui”, brincou. E ele parece ser um bom partido. Além de bem-sucedido na profissão, o ator se considera romântico. “Existe sempre uma dose de romantismo referente a nós, portugueses. Acho que tenho que ser, se não romântico, ao menos afável com quem gosta de mim. Essa é uma característica mais exacerbada no Guaracy. Primeiro com Griselda e, ao longo da novela, essa capacidade de amor foi transferida para Esther e a filha dela”, comentou.

Leia Ainda: Em "Fina Estampa", Guaracy e Griselda terão primeira noite de amor

Depois de “Fina Estampa”, Paulo Rocha pretende voltar para Portugal para passar suas férias e não sabe se engatará outro trabalho no Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.