Ator admitiu que usava crack, perdeu a custódia dos filhos e pede salário de US$ 3 milhões por episódio de "Two And A Half Man"

Charlie Sheen durante entrevista ao
SplashNews
Charlie Sheen durante entrevista ao "Good Morning America"

Charlie está vivendo com as duas mulheres em sua casa, em Los Angeles
Grosby Group
Charlie está vivendo com as duas mulheres em sua casa, em Los Angeles
Charlie Sheen se tornou, nas últimas semanas, um dos assuntos mais comentados da mídia. O ator problemático chegou a ser comparado com o ditador líbio Kadafi e suas frases de efeito, em nota publicada pelo jornal inglês "The Guardian". A controvérsia em torno dele aumenta a cada entrevista concedida às emissoras norte-americanas - e são muitas .

No final de fevereiro, a série da qual Sheen era protagonista, "Two And A Half Man", foi cancelada definitivamente . A decisão foi tomada depois que o ator insultou o criador do programa, Chuck Loirre , em entrevista a uma rádio. Antes disso, o retorno da atração era dada como certa, assim que o ator terminasse um tratamento de reabilitação, que o próprio determinou que faria no conforto de sua casa . E tudo isso na companhia de suas duas mulheres - a atriz Natalie Kenly e a estrela pornô Bree Olsen .

Já no início desta semana, data em que as gravações da série retornariam, Charlie voltou a atacar com suas declarações polêmicas. Disse, por exemplo, que toparia continuar com o programa, mas apenas com um cachê de US$ 3 milhões : "É pegar ou largar", disse ele que recebia US$ 2 milhões por episódio. "Estou sendo mal pago. Quando você vê o dinheiro que os produtores estão fazendo", afirmou.

Charlie Sheen em entrevista à ABC
Reuters
Charlie Sheen em entrevista à ABC
"Cansei de fingir que não sou especial. Cansei de fingir que eu não sou um rockstar de Marte e as pessoas não me entendem. É difícil me entender com um cérebro comum", disse Charlie, que tem 45 anos e uma vida marcada por escândalos, abuso de álcool, drogas e violência doméstica.

OPINE:

[]

Ele chegou a afirmar recentemente que

usava crack porque se sentia entediado

.

Nesta quarta-feira (2), a polícia de Los Angeles retirou os filhos gêmeos Max e Bob da residência do ator . A mãe das crianças, a modelo Brooke Mueller que está na reabilitação, conseguiu suspender temporariamente a guarda que pertencia a Charlie.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.