Na estreia do programa "Muito +", de Adriane Galisteu, a ex-panicat diz porque não precisava se prostituir, como já foi acusada

Nicole Bahls no programa
Reprodução
Nicole Bahls no programa "Muito +": Ganhava R$ 100 mil por mês"

Nicole Bahls deu uma entrevista polêmica na estreia do programa "Muito +", da Band, nesta segunda-feira (9). A ex-panicat se diz arrependida de ter se envolvido em uma briga com Juju Salimeni , o que resultou na saída das duas do "Pânico da TV". "Me arrependo de ter respondido a Juju, não queria estar envolvida. Mas ela me tratava mal, com muita falsidade".

Siga o iG Gente e acompanhe as notícias do seu famoso favorito

Nicole revelou quanto ganhava por mês na atração da Rede TV!. Ao contrário dos boatos, de que as assistentes de palco recebem apenas R$ 200 por programa, ela afirmou que recebia uma média de R$ 100 mil por mês.

Ela também falou sobre Dani Bolina , ex-panicat e hoje repórter da Record, e seu envolvimento com a prostituição. "Já passei por vários constrangimentos. Chegavam em mim e diziam 'sou amigo da Bolina'. E daí? O que tenho a ver com isso? No 'Pânico' eu ganhava muito bem. Não precisava disso (fazer programa)".

Ao final da entrevista, Nicole contou ainda que já recebeu cantadas de mulheres, inclusive de ex-colegas. "Já recebi de mulher que trabalhava comigo, tem duas, três, quatro que são bissexuais. Elas são bem modernas, as panicats".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.