Ator reestreou o espetáculo "Cruel" na noite dessa terça-feira (13) no teatro Faap, após tratamento para superar câncer linfático

Reynaldo se emociona ao falar da doença
AgNews
Reynaldo se emociona ao falar da doença
“Cruel”, texto adaptado da obra do dramaturgo sueco August Strindberg , tinha pouca chance de ser a história mais interessante da noite desta terça-feira (13). O drama do ex-marido manipulador que se aproxima do atual para envenená-lo contra a mulher, e depois faz o contrário, derrubando as duas bases de sustentação do casal, tinha muito pouco apelo na reestreia do espetáculo para nova temporada no Teatro Faap.

VEJA O QUE OS FAMOSOS FALARAM SOBRE A VOLTA DE GIANECCHINI

A trama paralela era muito mais emocionante: o belo ator, galã de novela, está no melhor momento profissional de sua vida – em cartaz no teatro, escalado para a próxima novela do autor que já lhe proporcionara grandes sucessos no passado, prestes a estrear em outro espetáculo, este a superprodução de um musical da Broadway – quando descobre que está doente. O país inteiro torce pela sua cura e admira a coragem e a serenidade com que ele enfrenta a grave doença e o tratamento, que o faz perder todo o cabelo e passar longas temporadas no hospital, longe do contato com as pessoas.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

Até que, passados nove meses do cancelamento da temporada da peça, uma cirurgia delicada e muitas sessões de quimioterapia depois, ele volta à cena – ainda sem cabelos, mas curado.

E foi para assistir ao vivo ao final feliz dessa história que o público lotou o Teatro Faap na noite de terça.

VEJA O QUE OS FAMOSOS FALARAM SOBRE A VOLTA DE GIANECCHINI

No palco, além de Reynaldo Gianecchini , estava o resto do elenco: os atores Erik Marmo e Maria Manoella , interpretando o jovem casal. E, na história paralela, vivendo os colegas de trabalho que acompanham a recuperação do amigo para retomar a carreira do espetáculo.

Reynaldo Giancchini reestreia no espetáculo “Cruel”
AgNews
Reynaldo Giancchini reestreia no espetáculo “Cruel”

Na plateia, mais que um público, uma torcida, composta por amigos, família, os médicos que cuidaram de Giane, a imprensa, colegas da classe artística.

Ganhando de longe o prêmio da fala mais arrebatadora da noite: o discurso final de agradecimento de Giane. Entre lágrimas e abraços dos colegas de palco, ele agradece à mãe, aos médicos, aos amigos e ao público, que aplaude sua emoção e a sua volta.

LEIA MAIS: Gianecchini: "Sabia que seria duro, mas não tinha noção"

“A gente não tem como falar da felicidade de estar aqui de volta. No meu coração não cabe mais tanta gratidão”, disse ele. “Vou começar agradecendo uma pessoa que eu agradeço todos os dias da minha vida, essa pessoa que eu tive a sorte de ter como mãe... Minhas irmãs queridas, tão presentes na minha vida. Tantos amigos aqui, tantas pessoas queridas. Os amigos da classe, tanta gente que participou desse meu processo, com todo o carinho, que estava torcendo tanto, gente que eu nem conheço e que mandou tanta força, tanta luz. Um beijo enorme a vocês.”

O ator emocionou os amigos durante a apresentação
AgNews
O ator emocionou os amigos durante a apresentação

“Nesses meses todos, vi como é bonito ter uma vocação e exercer tão lindamente uma profissão. Me deparei com uma turma que está aqui e me mostrou, além da competência, um amor pela profissão e um respeito pelo ser humano: quero fazer aqui uma homenagem para os meus médicos. Vocês fazem parte desse processo de eu estar aqui e fazem parte muito importante da história da minha vida.

E MAIS: Relembre os famosos que superaram o câncer

"Enfim, gente, é muito amor, muito carinho que recebi esse tempo todo e penso mesmo que a grande descoberta, nesse sentido que a gente busca da vida, é a gente aprender a amar. A gente está aqui para trocar, então, muito obrigado.”

“Cruel” fica em cartaz no Teatro Faap, em São Paulo, todas as segundas e terças, às 21 hs. Em junho Giane começa a gravar “Guerra dos Sexos”, de Silvio de Abreu .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.