O cantor Justin Bieber também está envolvido no projeto que visa mostrar a violência contra os adolescentes

Meryl Streep e Johnny Depp
Brainpix
Meryl Streep e Johnny Depp

Um dos assuntos mais discutidos dos últimos tempos vai contar com o apoio de consagrados artistas. O documentário “The Bully Project”, assinado por Lee Hirch , que fala sobre os atos de violência física ou psicológica entre crianças e adolescentes, terá as participações de Meryl Streep e Johnny Depp , entre outros nomes.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

De acordo com o jornal “New York Post”, Meryl anunciou que vai participar do documentário ajudando a organizar a produção – com a ajuda de sua filha Mary – em Nova York. Johnny Depp também propôs ajuda. O cantor Justin Bieber também vai fazer parte do documentário. “The Bully Project” conta ainda com a ajuda do jogador de futebol americano Drew Brees e do presidente da AMC Entertainment (rede de cinemas dos Estados Unidos) Gerry Lopez.

LEIA MAIS: Ao lado da mãe, Lady Gaga lança fundação contra o bullying

A obra, apesar de ter sido feita para ajudar a combater a violência contra os adolescentes, ganhou classificação indicativa de 17 anos, atingindo assim o seu público-alvo. O diretor Lee Hirsch recusou-se a cortar os palavrões do documentário e, por isso, a classificação não foi alterada, mesmo com a luta de várias celebridades.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.