Atriz disse ainda que telespectadores da terceira idade torceram para que o casal gay terminasse junto

Luciana Vendramini e Giselle Tigre em cena para o primeiro beijo gay da televisão brasileira
Lourival Ribeiro/SBT
Luciana Vendramini e Giselle Tigre em cena para o primeiro beijo gay da televisão brasileira
Luciana Vendramini passou pela Bienal no Ibirapura, em São Paulo, na noite desta segunda-feira (23), para conferir o São Paulo Fashion Week. A atriz, que deu vida à Dr. Marcela, personagem que protagonizou o primeiro beijo gay da ficção, falou com o iG Gente sobre o assédio nas ruas.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

“O assédio feminino foi ótimo, elas são muito mais delicadas do que os homens”, comentou. “Além de ter tido torcida heterossexual, de pessoas da terceira idade querendo que elas ficassem juntas, as mulheres são realmente mais delicadas, adorei isso”, completou.

A atriz falou ainda com bom humor sobre as notícias de que teria implantado silicone nos seios. “Mas você acha que eu colocaria silicone? Eu já tenho tanto. Quando eu era mais nova, queria tirar. Mas agora não quero mais tirar. Engraçado, não sei porque surgiu isso”, brincou.

Com a novela do SBT chegando ao fim, Luciana comentou que já procura por novas experiências. “Eu tenho muitos projetos, mas ainda não posso falar nada”, concluiu ela, que passou pela Bienal só para “dar pinta e ver os amigos estilistas”.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.