Hubs de Gente

enhanced by Google
 

Luana Piovani

Posição no Ranking dos famosos:
Compartilhar:
  • Nome

    Luana Piovani

  • Idade

    34 anos (29/08/1976)

  • Naturalidade

    São Paulo, Brasil

  • Signo

    Virgem

  • Status

    namora Pedro Viana

Luana Piovani cresceu em Jaboticabal, no interior de São Paulo e se mudou para a capital com o sonho de virar modelo ¿ foi das agências Ford e Mega em 1990. Estreia na Globo em 1993, na série ¿Sex Appeal¿. A atriz foi agredida por seu ex-noivo Dado Dolabella nos bastidores de seu espetáculo ¿Pássaro da Noite¿. Atua na peça infantil ¿O Soldadinho e a Bailarina¿.

Ler biografia completa

FAMOSOS RELACIONADOS

  • Selton Mello
  • Sandy
  • Xuxa
  • Ana Paula Arósio
  • Rodrigo Santoro
  • Dado Dolabella

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Todas as notícias

Luana Piovani no Twitter

Siga o Twitter do iG Gente

Biografia completa de Luana Piovani

BIOGRAFIA

Na segunda metade dos anos 90, o caminho da atriz Luana Piovani na TV Globo parecia traçado: depois de bom desempenho em “Sex Appeal”, a loira estrelou algumas telenovelas, como “Quatro por Quatro” (1995), “Vira-Lata” (1996), “Malhação” (1997), e a minissérie “Labirinto” (1998), em que era uma das principais personagens ao lado de Malu Mader e Fábio Assunção. Também atuava como apresentadora no programa dominical da emissora, “Fantástico”.

No cinema, estreara em 1995, no filme “Super Colosso” e no teatro, ao lado de seu então namorado, Rodrigo Santoro, participou de um espetáculo que atingiu sucesso histórico, “D’Artagnan e os Três Mosqueteiros” (1997), que ficou dois anos em cartaz. Em 1997, foi eleita a mulher mais sexy do mundo pela Revista Vip (Ed. Abril)
Em “Suave Veneno”(1999), interpreta a personagem que seria sua última protagonista em uma telenovela da Globo. Depois, apresentou o programa “Tudo de Bom” (2000), na MTV Brasil e o “Video Music Brasil” daquele ano na emissora.

Voltou à Globo na minissérie “Quinto dos Infernos” (2002) e desfilou no mesmo ano nua da cintura para cima no Fashion Rio, apenas segurando os seios. Em 2004, cobriu a licença maternidade da apresentadora Maria Paula em “Casseta e Planeta, Urgente!”. Em 2005 e 2006, participou do programa “Saia Justa”, no GNT, ao lado da atriz Betty Lago, a filósofa Márcia Tiburi e a jornalista Mônica Waldvogel. Abandonou o programa em 2006, em lágrimas, e só Mônica demonstrou apreço pelo gesto.

Em 2006, anunciava com entusiasmo que estrelaria a novela “Pé na Jaca”, de Carlos Lombardi, às 19h na TV Globo, mas abruptamente avisou os fãs pelo seu blog que isso não mais ocorreria. Em 2010, atuou na minissérie da TV Globo “Na Forma da Lei”, como a delegada Gabriela.

Luana Piovani dedica-se muito ao teatro e o foco tem sido seu público infantil e adolescente. Atualmente, estrela sua terceira incursão num espetáculo infantil, “O Soldadinho e a Bailarina”.

<span>Luana Piovani em uma campanha para uso de preservativo, na sua adolescência</span> - <strong>Foto: Reprodução site Terra</strong> <span>Luana Piovani e Elke Maravilha em coletiva</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Luana Piovani e seu ex-namorado polêmico Dado Dolabella</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Luana Piovani e seu atual namorado Filipe Simão</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Luana Piovani e Ana Paula Arósio</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Luana Piovani no desfile do Victor Dzenk</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong>


Na TV

Telenovelas
Quatro por Quatro (1995)
Vira-Lata (1996)
Suave Veneno (1999)

Minisséries e seriados

Sex Appeal (1993)
Malhação (1997)
A Comédia da Vida Privada (1996)
A Comédia da Vida Privada (1997)
Labirinto (1998)
O Quinto dos Infernos (2002)
Os Normais (2002)
O Homem Objeto (2003)
O Sítio do Pica Pau Amarelo (2003)
Casseta e Planeta, Urgente! (2004)
Os Sete Pecados Capitais – Preguiça (2006)
Lu (2006)
Faça sua História (2008)
Dicas de um Sedutor (2008)
Na Forma da Lei (2010)

Como apresentadora

Fantástico (1997) – TV Globo
Tudo de Bom (2000) –MTV
Video Music Brasil (2000) - MTV
Saia Justa (2005/2006) - GNT

CINEMA

Super Colosso (1995)
O Homem que Copiava (2003)
O Casamento de Romeu e Julieta (2005)
Seus Problemas Acabaram (2006)
Zuzu Angel (2006)
Família Vende Tudo (2009)
A Mulher Invisível (2009)


TEATRO

Nó de Gravata (1996)
D’Artagnan e os Três Mosqueteiros (1998)
A.M.I.G.A.S. (1999)
Mais uma vez Amor (2002)
Alice no País das Maravilhas (2003)
O Pequeno Príncipe (2006)
O Pássaro da Noite (2008)
O Soldadinho e a Bailarina (2010)

Luana Piovani é descrita como uma mulher que faz o que quer, namora quem quer e fala o que quer. Mas se arrepende de uma coisa: a traição ao namorado Rodrigo Santoro, com quem ficou durante três anos, até 2000. Durante o Carnaval baiano daquele ano, foi flagrada aos beijos em cenas tórridas com o empresário Christiano Rangel. “Foi uma falha de caráter, escorregada feia”, admite a atriz.

Este fato pode ter sido um divisor de águas em sua carreira, embora ela tenha se tornado empresária de sucesso, e hoje é uma das poucas atrizes que sobrevive sem contrato fixo com a TV Globo. “Cobro caro e sei disso”, diz Luana, que tem apartamento em São Paulo, Rio de Janeiro e Nova York, e trabalha com uma equipe que inclui motorista, secretária, advogado e empresário. Seus espetáculos no teatro em geral são produções bancadas por patrocinadores que ela própria arregimenta e têm sido um sucesso.
Por motivos salariais teria abandonado a personagem que viveria em “Pé na Jaca”, e o programa “Saia Justa”, do GNT, ambos em 2006. Neste último, reivindicava um aumento apenas para si num programa com outras três debatedoras. Na ocasião, a atriz e ex-top model Betty Lago teria declarado: “Brigar por salário é uma coisa cafona”, e a filósofa Márcia Tiburi dissertou sobre os males do capitalismo.
A verdade também é que a TV Globo é um filão inesgotável que atrai contratos publicitários e platéias ao teatro. E Luana tem conseguido irritar algumas facções, como a produção do programa “Pânico na TV” (Rede TV!), que a perseguiu durante meses em 2004 para que a atriz calçasse as “sandálias da humildade”. Ela o fez, mas cobrou o preço em um processo judicial.
Em 2007, arrumou mais controvérsia quando declarou em seu blog ser a musa inspiradora da música “Um Sonho”, do álbum “Cê”, de Caetano Veloso. Os versos da música começavam assim: “Lua na folha molhada/brilho azul branco...”. Caetano retrucou rapidamente, com a seguinte declaração feita ao jornal A Folha de S.Paulo: “Uma coisa que eu nunca faria seria tornar pública uma canção erótica sobre uma mulher com quem nada tive. Todas as músicas que dediquei publicamente a Regina, Sonia, Vera e Cristina nasceram de experiências reais. Sem falar nas inúmeras que fiz para Dedé e Paulinha, adoradas mães dos meus filhos. Sou fã de Luana, acho-a deslumbrante e gosto imensamente da companhia dela, mas não lhe dediquei uma faixa do Cê". Luana retirou a afirmação de seu blog.
Com 1m78, 60 kg e belos olhos verdes, Luana Piovani coleciona namorados. O primeiro grande amor surgiu aos 17 anos, quando ela namorou o empresário João Paulo Diniz. Após a separação, teria declarado que chorou seis meses. No início de sua carreira como atriz, namorou alguns meses o ator Guilherme Fontes. Passou três anos com Rodrigo Santoro, falavam até em ter filhos e casamento, até que em 2000 ela o trocou pelo empresário Christiano Rangel, com quem ficou dois anos.
Teria “ficado” com o ator Paulo Vilhena no Carnaval de 2002, e namorou o modelo Cacco Ricci em Nova York. No Carnaval de 2004, teve uma recaída por Paulo Vilhena e teria “ficado” também com o ator Rodrigo Hilbert.
Em 2003, durante a exibição da peça “Mais Uma Vez Amor”, com Marcos Palmeira, ficou apaixonada pelo ator. Dois símbolos sexuais no palco, muitos beijos, carícias ardentes e cenas de sexo. A ficção ultrapassou a realidade e os dois passaram a morar juntos. Luana sonhou em casar e ter filhos, mas Palmeira abandonou o relacionamento.
De 2004 ao final de 2006, namorou o empresário Ricardo Mansur, de quem chegou a engravidar, embora tenha sofrido um aborto espontâneo. Era vista frequentemente em baladas noturnas com o empresário e havia o boato que o casal “cobrava” para participar de eventos, o que jamais foi confirmado.
Em 2005, mais um pequeno escândalo, causado novamente por seu blog. A atriz teria postado um comentário em que dizia que, após seis meses, teria terminado de ler o massudo livro “Cem Anos de Solidão”, do autor colombiano Gabriel Garcia Márquez (1927). O jornal Folha de S.Paulo tripudiou sobre o post. Segundo o jornal, demorar seis meses para ler um livro é tempo demais.
Luana abandonou o romance com Ricardo Mansur para engatar um relacionamento cheio de idas e vindas com o ator Dado Dolabella, de quem ficou noiva, mas que acabou em outubro de 2008 na prisão: o ator foi acusado de agredi-la nos bastidores do espetáculo “Pássaro da Noite”, por ciúme, já que a atriz teria mostrado o seio em cena.
Durante o lançamento do filme “A Mulher Invisível”, em 2009, foi vista de mãos dadas com o ator Selton Mello, que não confirmou o romance.
Atualmente, tem sido vista com o empresário Felipe Simão, ex-namorado de Ivete Sangalo.

Ver de novo