A cantora foi acusada de não devolver todas as peças de alta costura da turnê europeia de 2007

Lauryn Hill
GettyImages
Lauryn Hill
Um produtor de moda responsável pelo figurino de Lauryn Hill durante a turnê europeia de 2007 a está acusando de roubo. De acordo com informações do site "TMZ", a cantora teria usado as peças de alta costura pagando apenas parte do combinado.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

A publicação informa que o processo contra a cantora corre no Supremo Tribunal de Los Angeles, no qual o profissional alega ter emprestado “um guarda-roupa completo com peças de alta costura”, no qual ela teria assumido o compromisso de pagar uma quantia fixa por semana pelo prazo de um mês.

Porém, segundo o processo, a cantora teria ficado com a roupa pelo período de três meses, pagando apenas uma fração do que devia. O produtor acusa ainda Lauryn de ter devolvido apenas 30% das peças, ficando com os itens mais caros.


Esta é a segunda vez em apenas dois meses que Lauryn é acusada por conta de sua turnê europeia de 2007. No último mês, um guitarrista processou a cantora acusando-a de ter roubado seu instrumento de aproximadamente R$ 37 mil (US$ 20 mil).



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.