A cantora dedicou a música "Hair" para o Jamey Rodemeyer, garoto de 14 anos que se suicidou por sofrer bullying

Lady gaga em sua apresentação no iHeartRadio Musical
Getty Images
Lady gaga em sua apresentação no iHeartRadio Musical
Lady Gaga se apresentou no festival "iHeartRadio Musical", em Las Vegas, nesse fim de semana e emocionou o público presente ao homenagear Jamey Rodemeyer , seu fã de 14 anos, que cometeu suicídio por ser vítima de bullying. Os colegas da escola o perseguiam devido à sua orientação sexual.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

De acordo com informações de sites internacionais, a cantora dedicou a música “Hair” ao garoto e fez um discurso emocionante. “Perdi um ‘monstrinho’ e gostaria de dedicar essa canção para ele. Jamey, sei que você está lá em cima olhando por nós. Você não é uma vítima. Bullying é para os perdedores. Coloquem suas mãos para cima por Jamey!”, pediu ela, antes de começar a performance. Antes de cometer o suicídio, o garotou tuitou para Lady Gaga agradecendo por toda a ajuda que ela tinha dado a ele.

Jamey fez vários vídeos nos quais desabafava sobre os ataques que sofria na escola e em um deles, o menino disse que as músicas de Lady Gaga o faziam feliz, pois ele entendeu que “nasceu desse jeito”, como na música da cantora que tem o título “Bom This Way”.

Assim que soube da morte de Jamey, a cantora prometeu que vai se encontrar com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama , para criar uma lei em defesa das pessoas que sofrem bullying. “Os últimos dias passei refletindo, chorando, gritando e tenho tanta raiva! É difícil sentir amor quando a crueldade leva a vida de alguém...", escreveu ela em seu Twitter.

Jamey Rodemeyer, fã de Lady Gaga, que cometeu suicídio por sofrer bullying
Reprodução
Jamey Rodemeyer, fã de Lady Gaga, que cometeu suicídio por sofrer bullying

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.