Hubs de Gente

enhanced by Google
 

Kaká

Posição no Ranking dos famosos:
Compartilhar:
  • Nome

    Kaká

  • Idade

    29 anos (04/04/1982)

  • Naturalidade

    Brasília (DF), Brasil

  • Signo

    Touro

  • Status

    Casado com Caroline Celico

O jogador de futebol Kaká atua como meia e atualmente joga pelo Real Madrid, da Espanha. Ele já atuou pela equipe do São Paulo e do Milan, da Itália, e fez parte do grupo vencedor da Copa do Mundo de 2002. Seu currículo inclui ainda dois prêmios Bola de Ouro e ser eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa em 2007. Kaká está casado com Caroline Celico, com que possui um filho, Luca, de 2 anos.

Ler biografia completa

FAMOSOS RELACIONADOS

  • David Beckham
  • Sthefany Brito
  • Bia Antony
  • Claudia Leitte
  • Ronaldo
  • Alexandre Pato

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Todas as notícias

Kaká no Twitter

Siga o Twitter do iG Gente

Biografia completa de Kaká

BIOGRAFIA

Kaká nasceu em Brasília, mas foi criado em São Paulo onde viveu uma infância privilegiada. Ele começou sua carreira no futebol jogando pela equipe de juniores do São Paulo de 1994 a 2000, ano em que sofreu uma fratura na espinha dorsal que quase o deixou paralisado aos 18 anos. Ele descia por um escorregador de piscina e, ao cair na água, bateu a cabeça no fundo, causando uma fratura na vértebra. Após se recuperar, ele voltou a jogar e fez sua estreia na equipe principal do São Paulo em março de 2001. Em pouco tempo, Kaká se tornou ídolo da torcida.

Sua primeira convocação para a Seleção Brasileira foi para disputar um amistoso em 2002. Nesse mesmo ano, o jogador foi campeão da Copa do Mundo, ganhando a Bola de Ouro da revista Placar por seu bom desempenho no torneio. Contudo, fora da seleção, Kaká teve atuações ruins pelo São Paulo, causando os primeiros atritos com a torcida. Em 2003, o jogador se transferiu para o Milan, da Itália, se estabelecendo como titular e ídolo do clube em pouco tempo.

Na Copa do Mundo de 2006, Kaká foi eleito o Homem do Jogo na partida em que o Brasil venceu a Croácia por 1 a 0. No ano seguinte, ele ganhou os prêmios de melhor jogador do mundo pela Fifa e Bola de Ouro da revista France Football, vivendo o auge de sua carreira. Em 2008, o jogador recebeu uma proposta tentadora do Manchester City, da Inglaterra, mas preferiu se manter no Milan, time que defendeu até o ano seguinte quando se transferiu para o Real Madrid com um contrato de seis anos. Kaká passou então a integrar o novo grupo de “galáticos” do time espanhol, porém, seu rendimento no clube foi prejudicado por sofrer pubalgias que lhe deixaram fora de campo por muitos jogos. Mesmo com problemas físicos, Kaká foi para a Copa do Mundo de 2010, sua terceira.

<span>Desde que estorou no São Paulo, em 2002, Kaká chamou a atenção de Giorgio Armani e virou garoto-propaganda da grife italiana</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>Kaká celebridade: ele estampou a capa da versão italiana da revista "Vanity Fair" e voltou a aparecer na edição americana da publicação às vésperas da Copa de 2010</span> - <strong>Foto: Divulgação</strong> <span>O casamento com Caroline Celico, em dezembro de 2005, na Igreja Renascer de São Paulo, com a qual o casal rompeu relação no final de 2010</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>Em 2007, o então atacante do Milan comemora a vitória do Campeonato Europeu com a polêmica camiseta: "I belong to Jesus" (Eu pertenço a Jesus)</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>Kaká foi eleito o melhor jogador do mundo pelo UEFA, em agosto de 2007, quando jogava em Milão, na Itália. Na premiação ao lado dele, Maldini, Seedorf e Petr Cech</span> - <strong>Foto: Getty Images</strong> <span>Dois momentos com o filho Luca: logo após o nascimento, em junho de 2008, e em 2010, quando levou o menino numa corrida de cavalos em Madri</span> - <strong>Foto: Divulgação/Grosby Group</strong>

Kaká começou sua carreira no futebol em 1994 pela equipe de juniores do São Paulo, quando ainda era conhecido como Cacá. Ele defendeu o time principal do clube de 2001 a 2003, fazendo sua estreia na final do Torneio Rio-São Paulo contra o Botafogo. O jogador se transferiu para o Milan, da Itália, em 2003, onde jogou até 2009. Nessa época, Kaká viveu o auge de sua carreira, recebendo diversos prêmios. Depois, o jogador foi para o Real Madrid, da Espanha. Na Seleção Brasileira, o meia fez sua estreia em 2002 em um amistoso contra a Islândia. Nesse mesmo ano, foi campeão da Copa do Mundo com a equipe. O jogador ainda disputou as Copas de 2006 e 2010.

Títulos

2005 e 2009: Campeão da Copa das Confederações pela Seleção Brasileira
2007: Campeão da Copa do Mundo de Clubes da Fifa pelo Milan
2007: Conquistou a Liga dos Campeões da Uefa pelo Milan
2007: Conquistou a Supercopa Europeia pelo Milan
2004: Conquistou o Campeonato Italiano pelo Milan
2004: Conquistou a Supercopa da Itália pelo Milan
2002: Campeão da Copa do Mundo pela Seleção Brasileira
2001: Conquistou o Torneio Rio-São Paulo pelo São Paulo

Prêmios

2009: Melhor jogador da Copa das Confederações
2008: Seleção da Fifa
2007: Esportista latino do ano pela IAAF
2007: Melhor jogador do mundo pela World Soccer
2007: Melhor jogador do mundo pela Fifa
2007: Onze de Ouro
2007: Bola de Ouro da revista France Football
2007: Melhor jogador do Mundial de Clubes da Fifa
2006 e 2007: Seleção da Uefa
2007: Prêmio Melhor jogador da Uefa como Melhor jogador do ano
2007: Prêmio Melhor jogador da Uefa como Melhor atacante
2007: Artilheiro da Liga dos Campeões da Uefa
2005: Melhor jogador da Uefa como Melhor meio-campista
2004 e 2007: Oscar del Calcio de Melhor jogador
2004, 2006 e 2007: Oscar del Calcio de Melhor jogador estrangeiro
2003: Seleção da Copa Ouro da Concacaf
2002: Bola de Ouro da revista Placar

Saiba mais sobre a carreira de Kaká no iG Esporte

Após três anos de namoro, Kaká se casou com Caroline Celico em dezembro de 2005 em uma igreja evangélica em São Paulo. Ele tinha 23 anos e ela, 18. O primeiro filho do casal, Luca Celico Leite, nasceu em São Paulo em junho de 2008. O jogador se tornou devoto da igreja evangélica Renascer quando tinha 12 anos. Por isso sempre celebra seus gols apontando para o céu como agradecimento a Deus. O casal chegou a fazer um dueto em uma canção no disco de música gospel gravado por Caroline em 2010.

Em 2010, Kaká e Caroline se envolveram em uma polêmica quando, após o jogador ser substituído em campo, sua mulher chamou o técnico do Real Madrid, Manuel Pellegrini, de covarde no Twitter. Em seguida, o meia deu uma entrevista brincando que iria cancelar o Twitter de Caroline, que respondeu dizendo que não o deixaria encerrar sua conta.

Além de seu trabalho dentro de campo, o jogador também atua em defesa de causas humanitárias. Em 2004, Kaká se tornou Embaixador da ONU contra a fome no Programa Alimentar Mundial. Ele foi eleito pela revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes do ano em 2009 e participa frequentemente de anúncios da Adidas, seu patrocinador, além de possuir um contrato publicitário com a Armani.

Ver de novo