"(Essa lei) me parece excessiva e acho que atenta contra a liberdade individual", argumentou a atriz na ocasião

Catherine Deneuve em ação com o cigarro na mão: nem aí para os costumes do local
Ag News
Catherine Deneuve em ação com o cigarro na mão: nem aí para os costumes do local
Um hotel de São Paulo foi multado em R$ 872,5 por violação da lei anti-tabaco depois que a atriz francesa Catherine Deneuve foi vista fumando em suas instalações.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias das celebridades Uma fonte da Secretaria de Saúde de São Paulo afirmou nesta quarta-feira à Agência Efe que a multa ao hotel Tivoli Mofarrej foi imposta no início de junho, mas não confirmou que a sanção esteja diretamente ligada ao caso da atriz.

No dia 8 de junho, Catherine Deneuve acendeu um charuto em uma das salas do hotel durante uma entrevista para promover o filme "Potiche", dirigida por seu compatriota François Ozon . Em comunicado, o hotel havia explicado que não é permitido fumar em suas instalações, exceto na área da piscina, e que os empregados sempre aplicam uma penalização conhecida como "taxa de limpeza" aos hóspedes que descumprem a norma.

Catherine Deneuve:
Ag News
Catherine Deneuve: "lei excessiva"
Segundo a nota, nenhum funcionário percebeu que a atriz estava fumando na sala fechada.Não é a primeira vez que a protagonista de "Bela da Tarde" desafia as proibições contra o tabaco.

No último dia 18 de março, durante uma entrevista coletiva em Madri, Catherine Deneuve acendeu um cigarro e, quando disseram a ela que na Espanha é proibido fumar em locais públicos, respondeu que pagaria a multa.

"(Essa lei) me parece excessiva e acho que atenta contra a liberdade individual", argumentou a atriz na ocasião.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.