Programa de aniversário e em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres vai ao ar nesta terça-feira (6) pela RedeTV

Hebe Camargo completa 83 anos na próxima quinta-feira (8), Dia Internacional da Mulher
Divulgação/RedeTV!
Hebe Camargo completa 83 anos na próxima quinta-feira (8), Dia Internacional da Mulher
Nascida no Dia Internacional da Mulher, Hebe Camargo comemora seus 83 anos nesta quinta-feira (8). Na tarde da segunda-feira (5), a apresentadora foi homenageada com um especial, que vai ao ar nesta terça-feira (6), às 22h30, pela RedeTV!. Para tornar a ocasião ainda mais especial, Hebe, que está acostumada a entrevistar seus convidados, foi sabatinada por um grupo feminino no quadro “Rodas de Mulheres”. A cantora Paula Fernandes abriu o programa com um musical e só então Hebe subiu ao palco para comandar a atração. Ao notar a presença de familiares e amigos na plateia, agradeceu emocionada: “Não acredito que vocês todos estão aí! Minha irmã, Estelinha, o meu filho, Marcelão . Sonia Abrão, Daniela Albuquerque, Iris (Stefanelli), Nelson (Rubens), Faa Morena . Eu estou tremendo... Juro por Deus, eu estou nervosíssima. É muita emoção, é muita gente querida reunida aqui hoje”.

Hebe Camargo  e seus convidados no programa especial de aniversário
Divulgação/Rede TV!
Hebe Camargo e seus convidados no programa especial de aniversário

Hebe Camargo:
Divulgação/RedeTV!
Hebe Camargo: "Meus valores estão no pescoço"
Para ela, a razão da comemoração é homenagear todas as mulheres, sem exceção. “As vitoriosas, as não vitoriosas, as felizes ou não, a todas elas. A vida é uma e a gente tem que saber viver os momentos da melhor maneira possível. É bom lembrar que esse dia, 8 de março, é para homenagear as mulheres pela luta por melhores condições. Não é muita coincidência eu nascer no dia 8 de março e nesse dia ser comemorado o Dia Internacional da Mulher?".

LEIA MAIS: Os famosos que viraram samba-enredo

Vestida com um longo nude e cheia de joias, Hebe não deixou de fazer suas gozações. “Os meus valores estão sempre no pescoço”, brincou. “Hoje, se eu dependesse de bunda, estava perdida. Eu me olho no espelho e falo: ‘Meu Deus, que horror’”, continuou ela, arrancando gargalhadas do público presente.

LEIA TAMBÉM: Hebe cai, torce o pé e falta à gravação do programa

Paula Fernandes, a apresentadora Didi Wagner , a modelo Fernanda Tavare s e a jornalista Joyce Pascowitch foram convidadas para sabatinar a apresentadora no quadro em que normalmente um homem é entrevistado. "Hoje eu vou saber o que os meus convidados sentem ao ficarem aqui", disse a aniversariante. Os cantores Leonardo e Luan Santana também participaram da homenagem. Leia trechos da entrevista de Hebe no quadro “Roda”:

Hebe Camargo dá um selinho em Leonardo
Divulgação/RedeTV!
Hebe Camargo dá um selinho em Leonardo

Críticas no começo da carreira
Muita gente faz tudo com perfeição. Eu sofri muitas críticas, foi realmente violento. Mas, se a gente se prender apenas à crítica, não vai para frente. Tem crítica que, dependendo da maneira que é feita, colabora para que você melhore. Algumas são para te favorecer. Agora, quando são críticas inventadas, aí é uma coisa desagradável. Eu nunca fui de responder. Eu lia e dizia: "Aqui tem razão". E eu sempre tentava melhorar, mas não dava respostas. Tem muita gente que faz críticas para aparecer, porque na hora em que você responde, ela aparece. Faz parte da vida da gente receber críticas.

Hebe Camargo recebe o carinho de convidados ilustres
Divulgação/Rede TV!
Hebe Camargo recebe o carinho de convidados ilustres

Programas de calouros
Eu participei de quase todos. Naquela época, os programas de calouros eram muito respeitados, eram para as pessoas que tinham o desejo de seguir a carreira. Hoje, virou um espetáculo cômico. Uma vez, em um desses programas, eu fui gongada. Eu estava imitando a Carmem Miranda e acharam que eu estava exagerada. Levei uma gongada e fiquei arrasada, mas não desisti. Depois, eu continuei participando.

Cabelos loiros
A primeira vez que eu fui para Nova York foi com o Décio , o primeiro grande amor da minha vida. Comecei a ver aquelas mulheres loiras e as achei lindas. Quando eu cheguei ao Brasil, passei água oxigenada na parte de cima e comecei a gostar. Depois, fui no salão tingir o meu cabelo e gostei. E, ele (Décio) também gostou. Isso faz 503 anos (risos). Uma vez, eu tingi de escuro, mas eu não me acostumei. Olhava no espelho e dizia que aquela não era eu e tingi de loiro de novo.

Gafes
Eu cometo até hoje, ainda mais quando o programa é ao vivo. Eu não quero que tirem, eu falo para deixarem ir para o ar. Lembro de uma gafe que cometi. Uma vez o Luiz Gonzaga estava tocando no meu programa e o Christian Barnard (primeiro cirurgião a realizar um transplante de coração) estava nos bastidores, esperando para entrar. Quando ele entrou, eu só falava da beleza dele. Eu dizia: "Como você é lindo. Você é casado?" E eu só falei da beleza dele, eu não fiz nenhuma pergunta séria (risos).

Hebe Camargo recebe flores de Luan Santana
Divulgação/RedeTV!
Hebe Camargo recebe flores de Luan Santana

Joias
Sempre gostei. Quando eu não podia comprá-las, eu comprava a imitação, porque eu não podia comprar a de verdade. Hoje eu vejo que, às vezes, eu comparava exageradamente. Tem algumas que eu nem lembrava que tinha. Todas fui eu que comprei, com o meu dinheiro. Não tenho joias que ganhei de marido, de amante. Quer dizer, de amante tem (risos). Eu comprei todas as minhas joias.

Trabalho e os grandes amores
O Décio (primeiro marido) me esperava na porta das emissoras onde eu trabalhava. Ele ficava me esperando, seguia o meu carro e assim ele foi me conquistando. Começamos a namorar e eu gostei dele, era um homem muito bacana e com um bom caráter. Ele não casou comigo porque eu era artista. O pai dele exigiu que eu assinasse um documento abrindo mão dos bens do Décio. E eu assinei, mesmo porque eu não estava casando por interesse. Na época, eu já tinha dinheiro, viajava fazendo shows. Quando o Décio ficou muito doente, ele dependeu absolutamente de mim. E, lamentavelmente, ele se foi. Foi puro amor mesmo. Eu até parei de trabalhar, mas depois eu voltei para televisão porque, na época, a Record estava investindo com tudo e veio o convite. Foi um salário quase que impossível de dizer não. Eu conversei com o Décio, mas ele não ficou muito feliz, não queria que eu voltasse. A gente vai ficando famosa e tem muito assédio.

M ágoa de Walter Clark
Ele tirou o meu programa do ar. Eu fiquei tristinha, dava uma bela audiência e tinha anunciantes. Quando ele chegou na Band, me tirou do ar.

Solteira ou casada?
A essa altura da minha vida, o melhor é estar sozinha. É uma delícia estar na minha casa, eu durmo se eu quiser, se não quiser eu não durmo. Se eu tiver que sair, eu vou e acabou. Se eu tivesse alguém hoje, seria um conhecido, um amiguinho. Mas marido? Nem pensar.

Hebe Camargo é sabatinada no quadro
Divulgação/RedeTV!
Hebe Camargo é sabatinada no quadro "Roda de Mulheres"

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.