A primeira-dama francesa cantou, em show privado, para promover microcréditos a países de terceiro mundo

Longe dos fotógrafos Carla não tenta disfarçar a barriga
AFP
Longe dos fotógrafos Carla não tenta disfarçar a barriga
A cantora Carla Bruni , esposa do presidente francês, Nicolas Sarkozy , fez um show privado na noite de segunda-feira para benefício dos microcréditos promovidos pelo site "MicroWorld" no Peru, Camboja, Senegal e Líbano.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as notícias das celebridades em tempo real

A primeira-dama da França, que apesar de não ter anunciado oficialmente, já não esconde sua gravidez, se apresentou na noite de segunda-feira pela primeira vez em seis meses, após um show surpresa oferecido em novembro do ano passado na sala Olympia.

A ex-modelo internacional e atriz do último filme de Woody Allen , foi a estrela do quarto MicroShow criado pela Planet Finance, organização que defende a solidariedade internacional e luta contra a pobreza no mundo mediante o microfinanciamento, segundo informa pela internet.

Os MicroShows consistem em encontros privilegiados que reúnem perante um artista 15 pessoas escolhidas por sorteio na véspera do evento entre os mais de 2 mil membros que integram MicroWorld atualmente.

O resultado é "um momento único de intercâmbios e compromissos pelo microcrédito", explicam seus promotores.

Os recitais são realizados em Paris e seus arredores mensalmente e já contou com shows da banda de rock americano Ours, Jean-Louis Aubert e Raphael, que podem ser assistidos pela internet.

Criada em janeiro, MicroWorld é uma plataforma que permite que indivíduos e empresas emprestem pequenas somas de dinheiro para financiar microprojetos a pessoas de diferentes países do mundo que não têm acesso aos serviços bancários tradicionais, segundo explicam seus promotores pela internet

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.