Atriz diz à revista "Vanity Fair", que as imagens em que aparece nua, hackeadas de seu telefone, eram para o ex, Ryan Reynolds

Ronnie Wood e Scarlett Johansson: jantar com a bela vale muito
Getty Images
Ronnie Wood e Scarlett Johansson: jantar com a bela vale muito
Scarlett Johansson revelou para a revista "Vanity Fair" que as fotos em que aparece nua, que foram hackeadas de seu telefone , eram para o então marido, Ryan Reynolds .

"Não há nada de errado com isso. Não é como se eu estivesse gravando um pornô. Embora não haja nada de errado com isso também", disse ela, que se separou de Ryan em dezembro de 2010.

ESPECIAL: Veja matéria sobre hackers de celulares

Nas imagens, a atriz aparece fotografando a si mesma em um banheiro e deitada na cama. Assim que foram divulgadas, viraram o assunto mais comentado na internet em todo o mundo. Logo em seguida, o FBI foi acionado para investigar o caso, e o advogado exigiu que os sites tirassem as fotos do ar .

O responsável por hackear as imagens é Christopher Chaney , que tem um longo histórico de invasão de privacidade e perseguição nos Estados Unidos. No caso de Scarlett, ele foi indiciado sob 26 acusações, e o julgamento começa nesta terça (1). Se condenado, Chaney pode pegar até 121 anos de prisão.

Veja também: Scarlett Johansson surge de cabelo preto para novo filme

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.