Tamanho do texto

Decisão de processo movido pela atriz em 2012 saiu nesta semana. Atriz não havia autorizado o uso de sua imagem para comerciais da empresa

Glória Pires exibe visual novo em seu Instagram
Reprodução/Instagram
Glória Pires exibe visual novo em seu Instagram

A  juíza Maria Cristina Slaib, da 3ª Vara Cível do Rio de Janeiro, condenou a Nutralogistic Comércio e Representações a pagar indenização no valor de R$ 40 mil à atriz Glória Pires pelo uso indevido e não autorizado de sua imagem em comerciais. 

Empresas precisam de autorização expressa para pegar “carona” no prestígio e na boa fama de uma personalidade, conquistados ao longo de muitos anos. Esse foi o entendimento da magistrada no processo que teve decisão favorável à Glória Pires .

Leia também: Luz, câmera e ação: os 50 anos de carreira de Gloria Pires

“É evidente que o fato de a ré ter veiculado a imagem da autora em publicidade, sem autorização desta, já caracteriza o uso indevido da imagem. Mais grave, ainda, porque veiculou imagem não autorizada da ré, atriz renomada de cinema, teatro e televisão, como se a autora fizesse uso de produto cosmético que não usou e não usa”, destacou a juíza.

Segundo a magistrada, a prática da empresa acabou “induzindo milhares de consumidoras/fãs a acreditarem que o produto objeto da propaganda da ré era maravilhoso porque utilizado por renomadas e belas atrizes”.

Leia também: Aos 54 anos, Glória Pires impressiona com boa forma em foto de biquíni

A Justiça determinou que a atriz também receba indenização por danos materiais correspondentes ao valor a qual deveria ter recebido caso tivesse autorizado a veiculação da sua imagem em material publicitário da empresa de cosméticos em questão, acrescido de juros e correção monetária.

A ação foi aberta em 2012 e a atriz obteve liminares favoráveis a ela, inclusive para tirar o comercial do ar, mas somente agora houve uma decisão definitiva. A empresa, com sede em Curitiba, no entanto, fechou pouco tempo depois da instauração do processo, o que pode ter contribuído para a demora da decisã judicial.

Leia também: Cinco provas de que Duda/Beth é o pior papel de Glória Pires

Aos 54 anos e afastada da telvisão desde o fim da novela "O Outro Lado do Paraíso", Glória Pires não emitiu qualquer manifestação pública relacionada ao processo ou a decisão judicial que saiu nesta semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.