Várias celebridades usaram as redes sociais para comentar a greve geral no País, nesta sexta-feira (28); veja algumas reações

Grandes personalidades da mídia usaram suas contas nas redes sociais para manifestar sua opinião sobre a realização da greve geral no país. Famosos que são conhecidos por seu engajamento político, como Leandra Leal e Camila Pitanga não ficaram de fora. Já algumas  personalidades polêmicas, como Aguinaldo Silva , não perderam a chance de alfinetar aqueles que aderiram à paralisação.

Leia também: Camila Pitanga estrela campanha da ONU pela igualdade de gêneros

Camila Pitanga foi uma das celebridades que falou a favor da greve geral desta sexta-feira (28)
Divulgação
Camila Pitanga foi uma das celebridades que falou a favor da greve geral desta sexta-feira (28)

A jurada argentina do “Masterchef Brasil”, Paola Carosella , usou sua conta oficial do Twitter para rebater a alegação do prefeito de São Paulo, João Doria Jr. , de que os servidores públicos que não comparecessem para trabalhar nesta sexta-feira (28), teriam o dia descontado em sua folha de pagamento. Na publicação, ela copiou um artigo da Constituição Federal Brasileira, que estabelece o direito à greve a todos os trabalhadores. Paola também foi rechaçada por seguidores, que chegaram a dizer que a chef não deveria se intrometer na política de um país que não é o dela.

A atriz global Camila Pitanga é bastante conhecida por seu engajamento político, e não deixou de usar seu Twitter para manifestar seu apoio aos trabalhadores que decidiram aderir à paralisação. “Aprovada a Reforma Trabalhista 296 x 177. CLT foi jogada no lixo”, escreveu.

Leia também: Hillary ou Trump? Veja para onde vai o apoio dos famosos nas eleições americanas

Leandra Leal também não ficou de fora e usou suas redes sociais para pedir mais transparências nas decisões políticas. “#EuApoioAGreveGeral porque sou contra essas reformas que acontecem sem debate e transparência, orquestradas por uma classe política corrupta”, escreveu a atriz em suas redes sociais.

Conhecida por seus memes, Inês Brasil também reagiu à paralisação, afirmando que , independente de quem apoia ou não a greve, ela é contra as reformas em que quem perde é o trabalhador. O youtuber PC Siqueira afirmou que faria um vídeo explicando o que uma greve e para que ela serve. Ele afirmou, ironicamente, que acredita que muitos ainda não saibam. Em apoio à greve, Gal Costa e Danilo Gentili cancelaram seus respectivos shows, que aconteceriam nesta sexta-feira (28).

Oposição

No entanto, nem todas as celebridades acreditam que a paralisação é benéfica para o país. É o caso do polêmico autor de novelas global Aguinaldo Silva, que usou sua conta para manifestar sua opinião e debochar de quem apóia a greve. “Vem cá, essa greve geral de amanhã foi convocada contra o quê: o excesso de feriados? ou pelo fim de semana prolongado?... Melhor, só férias”, escreveu.

Leia também: Famosos comentam o afastamento de Dilma nas redes sociais

A jogadora de vôlei Ana Paula também reclamou da greve por meio das redes sociais. Em seu Twitter, ela afirmou que a paralisação não passava de “birra, palhaçada”. “Greve? Gente que só mamou nas tetas do Estado a vida toda agora quer chorar. 13 milhões sem emprego,país na lama e vamos fazer o que? Birra. Palhaçada. O país literalmente definhando e ainda temos que escutar baboseira de gente embrulhada em ideologia porca de esquerda. Acorda e vai trabalhar!”, escreveu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.